Artisan e EL PAÍS oferecem microbolsa para fotógrafos que documentam cotidiano de periferias na pandemia

O convite é feito em conjunto com a editora Artisan Raw Books e com o apoio do Favela em Pauta. Inscrições vão até o dia 9 de agosto

Ponte Jornalismo

Um adolesceste morto por mês. É o resultado das operações policiais no RJ

Operações das polícias em abril mataram 58% a mais em relação ao ano passado, segundo Rede de Observatórios da Segurança; ‘é um projeto de extermínio’, afirma ativista Buba Aguiar

Pandemia de coronavírus

A difícil tarefa de combater o coronavírus em Manaus, onde metade da população vive em favelas

Aglomeração de moradias dificulta isolamento social e favorece disseminação da doença. Entre os dez Estados com maior incidência da covid-19, oito tem as maiores taxas de habitação precária

Ponte

Pai de João Pedro, morto pela polícia: “Os sentimentos do governador não trarão de volta meu filho”

Sem receber contato do Governo de Wilson Witzel após a morte do filho de 14 anos numa operação, Neilton Pinto diz que o assassinato “matou um pai, uma mãe e uma filha”

Ponte

João Pedro, 14 anos, morre durante ação policial no Rio, e família fica horas sem saber seu paradeiro

Segundo o aplicativo Fogo Cruzado, João é o vigésimo quarto adolescente baleado no Estado em 2020. Destes, 12 foram alvejados em situações com presença de agentes de segurança e cinco morreram

Pandemia de coronavírus
Pandemia de coronavírus

Babu Santana, o ator que saiu do Vidigal, mas não deixa a favela

Mesmo premiado e com mais de 10 novelas no currículo, o intérprete de Tim Maia no cinema só ganhou visibilidade pelo BBB, uma esperança para se livrar das dívidas e do desemprego

Pandemia de coronavírus

Margareth Dalcolmo: “O isolamento social severo e o SUS são as grandes armas do Brasil contra a pandemia”

Pneumologista da Fiocruz afirma que o coronavírus atingirá populações mais jovens no Brasil, reforça a necessidade de distanciamento social antes do pico da doença e faz alerta para proteger favelas

Pandemia de coronavírus
Pandemia de coronavírus

Coronavírus chega às favelas brasileiras com impacto mais incerto que nas grandes cidades

Wuhan ou Madri pouco servem de modelo para as 30 milhões pessoas que não têm saneamento e não conseguem seguir a recomendação mais básica para evitar o contágio

Pandemia de coronavírus

Sem ações específicas, 86% dos moradores de favelas vão passar fome por causa do coronavírus

Pesquisa do Data Favela mostra que a pandemia já alterou a rotina de quase 100% das pessoas que vivem em comunidades. A maioria, trabalhadores autônomos

Pandemia de coronavírus

Sousa, da Redes da Maré: “Quem só via a favela pela violência, passou a enxergá-la a partir do coronavírus”

Eliana Sousa, diretora da ONG, explica que 140.000 pessoas vivem na Maré, e muitas sem água encanada e esgoto, o que favorece a epidemia e requer medidas urgentes

Enchentes

Em novo dia de caos climático, São Paulo e Rio contabilizam 26 mortos e milhares de desabrigados

Aumento da letalidade policial é pauta urgente no Estado de São Paulo

Em 2019, policiais em serviço mataram 736 vítimas, o maior número da série histórica

“O que vou fazer com um colchão e sem casa?”, o drama dos desabrigados pelas chuvas em São Paulo

Moradores da zona leste perderam suas moradias nas enchentes e estão alojados em escolas da região. Temem voltar para a casa e, em seguida, serem expulsos novamente pela água

Lucas Santos: “Saí da favela, mas não posso ficar alienado enquanto matam negros e pobres”

Promessa do futebol brasileiro e cria da comunidade Para-Pedro, no Rio, o atacante revelado pelo Vasco se inspira em ativistas negros para contestar a violência policial em sua cidade

Ponte

Documento não menciona ataques de jovens de baile funk contra PMs

Relato da Polícia Civil contradiz versão de porta-voz da PM de que policiais reagiram após serem atacados por “pedras e garrafas” e de que não havia operação contra o pancadão

Nove jovens morrem pisoteados em baile funk de Paraisópolis após ação policial

De acordo com a Polícia Militar, policiais usaram “munição química” para dispersar multidão que, supostamente, atacou PMs com latas e garrafas

Tiro que matou a menina Ágatha partiu de PM “sob forte tensão”, diz inquérito

Após ouvir testemunhas e fazer perícias e a reconstituição do crime, Polícia Civil indicia agente por homicídio doloso. Acusado teria tentando atingir dois homens em uma moto, mas o projétil ricocheteou e matou a garota

Rio de Janeiro

Ciclo de impunidade em operações policiais com mortes ronda o caso Ágatha

Estudos mostram que mais de 90% dos casos de mortes cometidas por agentes do Estado não são investigados ou acabam arquivados

JUAN ARIAS

É preciso acabar com a hipocrisia de chamá-las de “balas perdidas”. São balas assassinas

A morte de Ágatha despertou de maneira especial a consciência e até a linguagem dos excluídos daqueles bairros deixados à própria sorte.

Rio de Janeiro

Sob Witzel, policiais já respondem por quase metade de mortes violentas na região metropolitana do Rio

Agentes mataram 194 pessoas em julho em todo o Estado, segundo dados oficiais. É a maior cifra para um mês desde 1998. Governo Witzel já assumiu 1.075 mortes de janeiro a julho deste ano

Sequestro no Rio

Witzel usa operação contra sequestrador para justificar ações indiscriminadas em favelas

Ação policial que terminou com a morte de sequestrador de ônibus na ponte Rio-Niterói é considerada exemplar. Governador faz gestos de comemoração e compara episódio com ações que não raro terminam em chacinas

Rio de Janeiro

As cartas das crianças da Maré: “Não gosto do helicóptero porque ele atira e as pessoas morrem”

Crianças do Complexo de Favelas da Maré descrevem horror da vida sob fogo cruzado em mais de 1.500 cartas enviadas para a Justiça do Rio, que restabelece regras mínimas para operações policiais no local. Seis jovens morrem nos últimos cinco dias em outras comunidades fluminenses

Tribuna

Uma ação mais humana por outra Maré é possível

Atuação do Estado no complexo de favelas do Rio em 2018 mostra que, com o apoio da sociedade civil, pode-se combater o crime de forma mais inteligente

Especial | Mães em Luta

Barbárie em tempos democráticos: por que o Estado é responsável por tantas mortes

Especialistas ouvidos pelo EL PAÍS explicam por que depois da Constituição de 1988 a violência aumentou no Brasil e como o poder público é parte do problema