Jair Bolsonaro, durante o desfile de 7 de Setembro.

Bolsonaro editou 27% mais decretos do que Lula no mesmo período no poder

Com poucas indicações partidárias, o presidente abriu mão de organizar uma maioria governista no Legislativo e tem apostado na coincidência entre sua agenda econômica e aquela defendida pela maioria dos parlamentares

O presidente Bolsonaro no dia 9, no Planalto.

Bancada da Bíblia se divide sobre apoio a decreto de armas de Bolsonaro

Aliados de primeira hora do presidente defendem que se suste o decreto que ampliou rol de pessoas que podem ter armas de fogo

Violência no Rio de Janeiro
O governador Wilson Witzel e o comandante Nunes, do Bope, em janeiro.

Carta branca de Witzel a ação de ‘snipers’ eleva o temor por abusos policias no Rio

Moradores e ativistas relatam aumento nos casos de violações desde vitória do governador. Ministério Público cobra explicações sobre atiradores de elite

Decreto sobre a posse de armas no Brasil
Armas da fabricante Taurus, exibidas em uma feira internacional de produtos de defesa no Rio do Janeiro.

Taurus, ascensão de uma fabricante de armas com Bolsonaro

Chegada do ultradireitista ao poder faz disparar as ações, mas cifras não ofuscam crise profunda da empresa

Decreto sobre posse de armas
Bolsonaro, ao dizer que usa a caneta como arma para alterar o Estatuto do Desarmamento.

Bolsonaro dá o primeiro passo para facilitar posse de arma no Brasil

Presidente cumpre primeira promessa de campanha, que não tem apoio da maioria da população. Decreto que muda regras e aumenta validade do documento de posse para até dez anos

Aluno treina em stand de tiro.

Clube de tiro e despachante já lucram com política armamentista de Bolsonaro

Mercado já se aquece com proposta do capitão de flexibilizar a posse e o porte de armas ao assumir o Governo. Mudança na legislação que proíbe a posse precisa ter aval do Congresso

Jair Bolsonaro durante formatura de sagentos.

Bolsonaro afirma que não manterá a intervenção federal no Rio

Atuação na cidade, que trouxe mal estar entre militares, impede que o Congresso possa alterar a Constituição via PECs

Rio de Janeiro
Militares fazem operação na Rocinha durante a intervenção federal.

Exército é acusado de matar inocentes em operações de segurança pública

Forças Armadas estão ligadas a morte de pelo menos 32 pessoas desde 2010. É o o “efeito colateral” das operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO)

Rio de Janeiro

Um ano depois, sobreviventes da chacina do Salgueiro não foram ouvidos pela Justiça Militar

Caso foi o primeiro depois de lei de Temer que transferiu para Justiça Militar homicídios de civis por membros das Forças Armadas

Eleições 2018
Homem segura pistola da Taurus em São Paulo.

Ações da Taurus pegam carona em Bolsonaro, mas estrangeiras ameaçam aguar festa

Principal fabricante de armamentos do país viu suas ações valorizarem na campanha e desvalorizarem após eleições, com a possibilidade de abertura para estrangeiras

Intervenção tem investido em operações como essa no Complexo do Lins, zona norte

“Essa guerra não tem fim”: o lamento após ação sangrenta que terminou com 13 mortos no RJ

Moradores relatam abusos em operações nos complexos da Penha, Alemão e Maré nesta segunda-feira. Dois integrantes do Exército estão entre as vítimas

Amigos e familiares de Marcos Vinícios choram sobre sua camiseta da escola manchada de sangue, durante o seu velório.

“Tudo indica que as chacinas estão se multiplicando no Rio de Janeiro”

À espera de dados oficiais, instituto vinculado à Universidade Cândido Mendes aponta para resultados pífios nos cinco meses da intervenção federal. Serviço colaborativo aponta aumento de 128% nas mortes em chacinas no Rio

Intervenção Federal no Rio de Janeiro
Operação do Exército na Rocinha, em setembro.

Um vácuo de informações sobre a intervenção federal no Rio

Tratar a segurança pública como assunto sigiloso é afastar os cidadãos do debate

O interventor federal do Rio, general Walter Souza Braga Netto.

General interventor do Rio veta jornalistas em evento aberto à imprensa

General Braga Netto evita exposições públicas e não admite questionamentos a seu trabalho à frente da segurança pública fluminense

Crise de Combustíveis no Brasil
Rosana Pinheiro-Machado.

Rosana Pinheiro-Machado: “Pedidos por intervenção militar são grito de socorro de uma população descrente”

A antropóloga e cientista social Rosana Pinheiro-Machado, que se reuniu com grupos de caminhoneiros em greve, diz que o movimento, assim como 2013, não é facilmente encaixável e revela uma lógica de redes, não de sindicatos

Segurança Pública
Michel Temer cumprimenta Raul Jungmann no dia de sua posse como ministro da Segurança Pública, em fevereiro deste ano.

Governo propõe “desmembrar” IPEA em texto que cria pasta de Segurança

Trecho incluído em MP e aprovado em comissão do Congresso provoca apreensão no órgão de pesquisa a poucos meses do fim da gestão Temer

Coluna
Caminhoneiros protestam na Régis Bittencourt, a 30 km de São Paulo.

A perigosa miragem de uma solução militar para a crise do Brasil

Com todas as suas limitações, a democracia ainda é a única possibilidade para que um povo possa conviver com o melhor de seus valores

Opinião
Renata Souza, à direita, consola outra pessoa durante ato em homenagem a Marielle e Anderson, nesta segunda.

Quantos mais vão precisar morrer para essa guerra acabar?

Usar a execução de Marielle para legitimar a intervenção é de um oportunismo político vergonhoso e expõe a fragilidade dessa iniciativa. É preciso reafirmar militarização, não em nosso nome

Ex-caçador de milícias: “A estrutura desses grupos está mais forte do que nunca”

Delegado aposentado, Claudio Ferraz diz que organizações criminosas só operam ‘com a anuência do Estado’

Caso Marielle Franco
Monica Tereza Benicio, esposa de Marielle, segura uma bandeira com a foto da vereadora, durante um ato no dia 2 de abril.

Marielle Franco, um mês depois: muitas incógnitas, muita indignação e nenhum culpado

Existem vários fatos que estão sendo estudados e vários indícios que apontam para que o crime possa ter uma solução , afirma o comando da intervenção militar no Rio

Intervenção federal no Rio de Janeiro
Soldados patrulham favela Vila Kennedy, no Rio, na última sexta.

Intervenção federal trouxe o populismo de volta pelas mãos da direita, diz marqueteiro político

Estudo realizado por André Torretta aponta que a maioria da população acha que é preciso fazer algo para combater a violência, mas não acredita no sucesso da intervenção militar

CASO MARIELLE FRANCO

Irmã de Marielle Franco: “Só tinham essa forma de calar a minha irmã”

Protesto contra morte da vereadora reuniu centenas de pessoas em frente à favela da Maré neste domingo

Caso Marielle Franco
Marcha no Rio, no dia 16, em homenagem à Marielle Franco.

Projeto no Congresso propõe que só a PF investigue crime com policiais ou milícias como suspeitos

Tema voltou à tona por assassinato de Marielle Franco. Texto já foi aprovado no Senado e está na Câmara. PGR avalia se pedirá federalização do crime em meio à intervenção no Rio. Só 3 vezes crimes mudaram de esfera até agora

Caso Marielle Franco
Manifestantes realizam marcha no Complexo da Maré, no Rio, em repúdio ao assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL).

Correios negam versão do Governo sobre munição que matou Marielle

Empresa desmente que projéteis comprados pela PF e usados na execução da vereadora tenham sido roubados em 2006. Carro suspeito de ter sido usado e crime é apreendido em Minas

Caso Marielle Franco
Marielle e sua companheira Monica

Marielle e Monica, por todas as famílias

Vereadora deixa a viúva e uma filha de 19 anos. Dar visibilidade às lésbicas eram uma de suas bandeiras “Esse tema não será colocado para debaixo do tapete”, dizia

Caso Marielle Franco
Protesto dia 15 de março

O assassinato de Marielle Franco no radar da ONU

Relatora de Direitos Humanos da ONU tem recebido inúmeros pedidos vindos de dentro e de fora do Brasil para acompanhar o caso de Marielle Franco

Violência no Rio de Janeiro
O veículo onde viajava Marielle e Anderson.

Marielle e Anderson: o que se sabe sobre o assassinato da vereadora e de seu motorista

As autoridades trabalham com a hipótese de que o crime tenha sido uma execução