Seleccione Edição
Login

Repensar o México

A necessidade de acabar com a desigualdade, a corrupção e a violência marcam a campanha presidencial, que começa nesta sexta-feira sob o signo da indignação e da mudança geracional. Vários livros se aprofundam no desencanto crônico de um país com um Estado grande, porém fraco