‘O Maoísmo’
ARTIGOS PARA LEITORES CADASTRADOS

‘O Maoísmo’

O livro de Julia Lovell sobre a China serve para entender por que o comunismo não funcionou e não funcionará enquanto a propriedade privada e a liberdade, que são inseparáveis, não forem o sustento básico do desenvolvimento

Amor por Madri
ARTIGOS PARA LEITORES CADASTRADOS

Amor por Madri

Andrés Trapiello publica um cativante guia desta cidade —em que tudo é de todos— que vai muito além deste tipo de livro e no qual intercala a sua interessante autobiografia com informações rigorosas

FERNANDO VICENTE
ARTIGOS PARA LEITORES CADASTRADOS

Trinta anos

Há três décadas começou a ser publicada no EL PAÍS esta coluna que, a partir da liberdade total, se fundamenta na ideia sartreana de que o autor deve se comprometer e lutar a batalha ideológica e política

Um tiro no pé
ARTIGOS PARA LEITORES CADASTRADOS

Um tiro no pé

Quatro anos atrás, os eleitores norte-americanos cometeram um erro flagrante ao dar a vitória a Trump. Tomara que Biden triunfe nestas eleições e mude a política contraditória e nefasta que hoje domina a Casa Branca

Os dois modelos
ARTIGOS PARA LEITORES CADASTRADOS

Os dois modelos

Para que o modelo do progresso funcione é preciso acabar com a corrupção; mas para muitos Estados, isso é impossível. Os casos da Venezuela e da Alemanha são exemplos de escolha sobre pobreza e prosperidade

Cayetana
ARTIGOS PARA LEITORES CADASTRADOS

Cayetana

Está convencida, como mostrou neste ano, que na política pacífica e tolerante da democracia e do liberalismo tudo pode ser modificado, com a condição de que se ditem as leis adequadas e, sobretudo, se defenda a liberdade contra os que queriam transgredi-la

A função da crítica
ARTIGOS PARA LEITORES CADASTRADOS

A função da crítica

A boa literatura é sempre subversiva, e os bons romances são motores permanentes de mudança social. Os críticos devem não apenas descobrir talentos, mas também detectar a relação entre a fabulação e a realidade social

Hospício
ARTIGOS PARA LEITORES CADASTRADOS

Hospício

O caos documentado no livro 'The Room Where It Happened' , de John Bolton, sem humor, e no qual o mau humor fatalmente aparece, permite chamar a Casa Branca, sem exagero algum, de um verdadeiro hospício

newsletters

Receba o boletim diário do EL PAÍS Brasil