Brasil vence o Peru e é campeão da Copa América

No Maracanã, Everton, Gabriel Jesus e Richarlison fizeram os gols da vitória por 3 a 1. Mesmo com o camisa 9 expulso, a seleção chegou ao nono título sul-americano

Daniel Alves ergue a taça de campeão da Copa América.
Daniel Alves ergue a taça de campeão da Copa América.VICTOR R. CAIVANO (AP)
Mais informações

O Brasil venceu o Peru neste domingo por 3 a 1, no Maracanã, e se tornou o campeão da Copa América 2019Everton Cebolinha abriu o placar, que foi empatado com um gol de Guerrero. Gabriel Jesus, que foi expulso no segundo tempo, fez 2 a 1 ainda antes do intervalo e, no segundo tempo, Richarlison definiu a vitória batendo um pênalti sofrido por Everton. A seleção brasileira, que mantém a invencibilidade de nunca ter perdido uma Copa América em que foi o país sede, chegou ao seu nono título sul-americano.

Logo aos 15 minutos do primeiro tempo, a seleção brasileira pareceu que manteria a final sem chance para zebra: Gabriel Jesus fez boa jogada pela direita e cruzou no segundo pau, onde Everton apareceu livre para abrir o placar com um chute de primeira. Os brasileiros só foram ameaçados aos 40, quando Cueva invadiu a área pela direita e viu seu cruzamento rasteiro ser desviado pelo braço de Thiago Silva. O árbitro marcou pênalti, revisou a jogada no VAR e confirmou a penalidade, convertida por Guerrero. O Peru estava contente em ir para o intervalo com um empate mas, nos acréscimos, Roberto Firmino roubou a bola no campo de ataque e tocou para Arthur, que contou com um escorregão de Zambrano para deixar Jesus na cara do gol. O camisa 9 bateu cruzado, fazendo 2 a 1 para os donos da casa.

O Brasil começou o segundo tempo criando chances com Firmino, mas viu a final se complicar quando, aos 25 minutos, Gabriel Jesus foi expulso ao tomar o segundo cartão amarelo após disputa pelo alto com Zambrano. O Peru ensaiou uma pressão e chegou a assustar Alisson em chegadas perigosas de Trauco e Flores. Aos 44 minutos, Everton tabelou com Arthur e, na disputa com o goleiro Gallese, foi empurrado dentro da área por Zambrano. O árbitro apitou o pênalti, reviu o lance no VAR e, novamente, manteve a marcação. Richarlison, que superou uma caxumba no meio do torneio, bateu no cantinho e saiu para comemorar o 3 a 1, que decretou o primeiro título do treinador Tite no comando da seleção brasileira.

Coube ao capitão Daniel Alves receber o troféu das mãos do presidente da Conmebol, Alejandro Dominguez, e erguer o troféu. O lateral de 36 anos também foi eleito o melhor jogador da Copa América. Alisson recebeu o prêmio de melhor goleiro e Everton, com três gols, ganhou o troféu de artilheiro do campeonato sul-americano.

Veja como contamos a final entre Brasil x Peru:

Diogo Magri
Encerramos por aqui a cobertura da final da Copa América 2019, que terminou com o Brasil campeão após vitória contra o Peru por 3 a 1 no Maracanã. Obrigado pela companhia e até a próxima!
Diogo Magri
Diogo Magri
A festa brasileira comandada por Daniel Alves, que chegou a seu 40º título como jogador de futebol.
Diogo Magri
Diogo Magri
"Fico envolvido no futebol. O resto eu fico a parte", responde Tite sobre a presença do presidente Jair Bolsonaro na premiação da seleção brasileira.
Diogo Magri
Diogo Magri
"Messi tem que entender e aceitar quando é vencido. Tem que tomar cuidado e respeito ao falar disso. Nós tivemos que passar por cima da arbitragem hoje mesmo", diz Tite.
Diogo Magri
Diogo Magri
Tite cita que tem respeito por todos os jogadores que, segundo ele, estiveram perto de estar na lista dos 23: Renato Augusto, Danilo, Weverton, Dudu, Fabinho e Marcelo. Ele ressalta a dificuldade que foi montar a lista.
Diogo Magri
Diogo Magri
Tite afirma que se tornou treinador hoje. "Pelo simbolismo que é jogar no templo [Maracanã]".
Diogo Magri
Diogo Magri
"Não pensei ainda na recondução do trabalho", afirma Tite quando perguntado sobre como será a formação da comissão técnica com as saídas de Edu Gaspar, Sylvinho e Fernando Lázaro.
Diogo Magri
Diogo Magri
Tite afirma que o problema foi no momento da expulsão de Gabriel Jesus. "O árbitro foi descriterioso. Era notória a situação de pressão que ele estava sofrendo".
Diogo Magri
Diogo Magri
"A crítica faz parte do amadurecimento. Tem um monte de forma de jogar bem e de ganhar. Estou contente porque somos fiéis a uma ideia de futebol que busca resultados e consistência", afirma o treinador na primeira resposta.
Diogo Magri
Diogo Magri
Tite, Cléber Xavier e o troféu da Copa América chegam nos seus assentos para a entrevista coletiva.
Diogo Magri
Diogo Magri
O autor do terceiro gol do Brasil superou uma caxumba em quatro dias e financiou a excursão de alunos do Instituto Federal da sua cidade. Tudo isso enquanto estava na Copa América. http://cort.as/-KvHl
Diogo Magri
Diogo Magri
Daniel Alves com o prêmio de melhor jogador da Copa América. Foto: AP
Diogo Magri
Diogo Magri
Alisson ressalta o alívio de ter vencido o Peru após a eliminação para o adversário na fase de grupos da Copa América de 2016. "Eu fiquei muito marcado por aquele jogo, assim como todo aquele grupo".
Diogo Magri
Diogo Magri
Na entrevista, Richarlison lamentou ter esquecido o nome da bisavó para quem dedicou o gol. "É muita emoção", justificou. Minutos depois, voltou enquanto Casemiro falava para a TV e se redimiu: "Dona Julita! É dona Julita o nome dela".
Diogo Magri
Diogo Magri
"Muitos deram para mim como fim de Copa América porque o tempo de cura [da caxumba] é de 15 dias. Mas tive fé e coragem. Coloquei na cabeça que ia melhorar e curei em 4 dias. Fiz esse gol na final pra minha bisavó", disse Richarlison já na zona mista.
Diogo Magri
Diogo Magri
Melhor jogador, artilheiro e melhor goleiro. Domínio total brasileiro na premiação.
Diogo Magri
Diogo Magri
Os jogadores entregam a taça para que o presidente Jair Bolsonaro pose no meio deles segurando o troféu de campeão.
Diogo Magri
Diogo Magri
Daniel Alves recebe a taça do presidente da Conmebol ergue o troféu de campeão da Copa América 2019!
Diogo Magri
Diogo Magri
Enfileirados, os jogadores da seleção brasileira aplaudem o Peru, que recebe a medalha de prata.
Diogo Magri
Diogo Magri
Cebolinha recebe, agora, o prêmio de artilheiro. E Daniel Alves foi eleito o melhor jogador da Copa América.
Diogo Magri

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Logo elpais

Você não pode ler mais textos gratuitos este mês.

Assine para continuar lendo

Aproveite o acesso ilimitado com a sua assinatura

ASSINAR

Já sou assinante

Se quiser acompanhar todas as notícias sem limite, assine o EL PAÍS por 30 dias por 1 US$
Assine agora
Siga-nos em: