Coluna
i

Dias sombrios

Governar é escolher. O problema é que o presidente não quer arcar com o custo das escolhas possíveis. Para isso é preciso ser líder, de corpo e alma. Não basta pensar que se é “mito”

O presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto, em Brasília, em 30 de setembro.
O presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto, em Brasília, em 30 de setembro.UESLEI MARCELINO / Reuters

Os dias andam sombrios. A pandemia tolda o horizonte e os corações. Cansa ficar em casa e isso para quem tem casa e pode trabalhar nela. Imagine-se para os mais desafortunados: é fácil dizer “fiquem em casa”; impossível é ficar nela quando não se a tem ou quando as pessoas vivem amontoadas, crianças, velhos e adultos, todos juntos. Pior, muitos de nós nos desacostumamos de “ver” as diferenças, e as tomamos como naturais. Não são....

Mais informações