Manifestações pelo Brasil

Ao Vivo | Protesto chega à Prefeitura e é dispersado por bombas da PM

Grupo que protesta contra a tarifa do transporte público se reúne na avenida Paulista

Manifestantes durante o primeiro ato, na última sexta-feira.
Manifestantes durante o primeiro ato, na última sexta-feira.NACHO DOCE (REUTERS)

O Movimento Passe Livre (MPL) realiza nesta sexta-feira o segundo ato contra a tarifa em São Paulo. O grupo pede a gratuidade do ônibus, metrô e trem, que aumentaram no último dia 6 de janeiro de 3 para 3,50 reais.

O protesto começa em meio a uma acirrada disputa nos bastidores. Nesta semana, o prefeito Fernando Haddad (PT) começou a se mover politicamente para tentar enfraquecer os protestos do grupo, conforme informou uma reportagem do EL PAÍS. Em resposta à movimentação do prefeito, que se articulou com outros movimentos sociais para realizar atos paralelos, o MPL divulgou nota dizendo que a atitude é lamentável e que as manifestações vão continuar. O primeiro ato, na última sexta-feira, acabou após uma forte repressão policial. Acompanhe os principais momentos do segundo ato.