A soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva

Lula discursará neste sábado em São Bernardo do Campo

Ex-presidente é solto 580 dias após ser preso e discursa a apoiadores

O ex-presidente Lula ao deixar a prisão em Curitiba, abraçado pela namorada e por apoiadores.
O ex-presidente Lula ao deixar a prisão em Curitiba, abraçado pela namorada e por apoiadores. Rodolfo Buhrer (REUTERS)

MAIS INFORMAÇÕES

O ex-presidente Lula deixou a prisão nesta sexta-feira, 8 de novembro. Luiz Inácio Lula da Silva foi libertado 580 dias depois de ser preso, e deixou a carceragem da Superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba (PR), no final da tarde, um dia após o Supremo Tribunal Federal (STF) derrubar a prisão de condenados após a segunda instância. A decisão da soltura é do juiz Danilo Pereira Júnior, magistrado da 12ª Vara Federal de Curitiba. "A decisão da Suprema Corte confirma aquilo que sempre dissemos que não havia a possibilidade de execução antecipada da pena”, disse Cristiano Zanin Martins, advogado de Lula, no início da manhã.O petista estava preso em regime fechado desde abril de 2018 após condenação de 12 anos e 1 mês por corrupção e lavagem de dinheiro caso do tríplex do Guarujá. O ex-presidente teve seu tempo de prisão reduzido pelo Tribunal Superior de Justiça para 8 anos de 10 meses. Ele nega as acusações e, neste sábado, participa de reunião em São Bernardo do Campo, em São Paulo.

Veja como foi o dia da soltura de Lula: