Terremotos

Terremoto sacode Peru e países vizinhos e é sentido em Manaus

O sismo ocorreu na Amazônia peruana. Há pelo menos seis feridos no país e outros 6 no Equador. Ainda poucas informações sobre danos

Imagem publicada pelo Corpo de Bombeiros de dano provocado pelo terremoto na cidade de Yurimaguas.
Imagem publicada pelo Corpo de Bombeiros de dano provocado pelo terremoto na cidade de Yurimaguas.@bomberosPE (EFE)

Mais informações

Um forte terremoto —de magnitude 8, segundo o Sérviço Geológico dos Estados Unidos e 7,5, segundo o instituto geofísico peruano— sacodiu o Peru e os países vizinhos na madrugada deste domingo. O tremor também foi sentido no Acre e no Amazonas, no Brasil. Até o momento, há ao menos 12 feridos e ainda poucas informações sobre o alcance dos danos. Um boletim preliminar do Serviço Geológico Colombiano indica que o abalo ocorreu às 2h40 (4h40 em Brasília) e teve como epicentro um ponto da localidade de Lagunas (12.000 habitantes), no centro do Peru. O movimento também foi sentido em Lima, situada cerca de 700 quilômetros ao sul do epicentro, com uma intensidade moderada, mas de longa duração: ao redor de um minuto.

O sismo se originou a uma profundidade de 141 quilômetros sob a superfície terrestre. Os tremores ocorridos na Amazônia, que ocupa quase 60% do território do Peru, costumam se originar a uma grande profundidade. Isso reduz o poder de destruição mas amplia a onda sísmica, que às vezes pode ser percebida a milhares de quilômetros.

O terremoto foi sentido em Bogotá e em outras regiões da Colômbia, desencadeando sirenes de emergência. Centenas de pessoas foram evacuadas, sobretudo de edifícios altos da capital, além de Cali, Manizales e Popayán. As ondas também foram registradas no Equador.

O presidente equatoriano, Lenin Moreno, que se encontra em Lima para uma reunião da Comunidade Andina neste domingo, afirmou pelo Twitter que acompanha a repercussão do terremoto. “Estou atento às informações sobre o forte sismo registrado nesta madrugada. O vice-presidente @ottosonnenh já se comunicou com o governador [da província] de Zamora Chinchipe. Houve cortes de energia em Yanzaza. Compatriotas, é importante se informar pelos canais oficiais”, disse Moreno na rede social. Segundo a agência EFE, o tremor também foi notado na Venezuela.

O Peru está situado na zona conhecida como Cinturão de Fogo do Pacífico, onde ocorre 85% da atividade sísmica mundial.