Pete Buttigieg retira candidatura das primárias democratas nos EUA após estreia histórica

Batalha para definir candidato que concorrerá com Donald Trump se reduz a seis nomes, com Bernie Sanders e Joe Biden à frente

O então pré-candidato Pete Buttigieg participa de ato de campanha em Raleigh, Carolina do Norte, no sábado.
O então pré-candidato Pete Buttigieg participa de ato de campanha em Raleigh, Carolina do Norte, no sábado.ERIC THAYER / Reuters

Pete Buttigieg, o mais jovem aspirante à Casa Branca, decidiu encerrar sua campanha pela candidatura presidencial democrata após o colapso sofrido nas primárias da Carolina do Sul neste sábado. Buttigieg, 38 anos, deixou sua marca nesta corrida não apenas por ser o primeiro pré-candidato assumidamente homossexual da história do país, mas por ter se colocado nas primeiras posições de uma luta superpovoada, que chegou a ter mais de 20 concorrentes —e com uma experiência que não passava do cargo de prefeito de South Bend, cidade de 100.000 habitantes em Indiana.

Após a outra renúncia deste fim de semana, a do empresário Tom Steyer, as primárias democratas ficam reduzidas a seis nomes, com os veteranos Bernie Sanders, um social-democrata de 78 anos, e Joe Biden, um moderado de 77, como os líderes mais à frente. O ex-prefeito de South Bend deu a largada ao vencer na primeira etapa desta longa corrida, o caucus de Iowa, e alcançou um segundo lugar na segunda, as primárias de New Hampshire, ambos de grande importância simbólica, mas baixo peso eleitoral. Em Nevada, sua luz começou a se apagar —foi o terceiro colocado, com apenas 14%— e na Carolina do Sul seu desempenho nulo entre o eleitorado afro-americano o condenou (obteve 8% de apoio no Estado).

Neste domingo, ele cancelou seus atos de campanha planejados para Dallas e Austin sem indicar o motivo, embora fontes de sua campanha tivessem antecipado a retirada para vários órgãos da mídia norte-americana. “Vamos viajar para South Bend, em vez de Texas, e faremos ali um anúncio sobre o futuro”, declarou. A pressão sobre os candidatos sem volume suficiente de votos aumenta à medida que a campanha avança e é crucial a 48 horas da chamada Superterça, quando 16 Estados realizam primárias ao mesmo tempo, incluindo os dois mais populosos, Califórnia e Nova York.

Mais informações

O mais visto em ...

Top 50