Copa América 2019

Com Messi expulso, Argentina supera o Chile e fica com o terceiro lugar da Copa América

Aguero e Dybala marcaram os gols da vitória por 2 a 1 no primeiro tempo, quando o camisa 10 recebeu cartão vermelho após discutir com Medel. Vidal descontou de pênalti para os chilenos

Momento em que o árbitro paraguaio Mario Diaz expulsou Messi e Medel.
Momento em que o árbitro paraguaio Mario Diaz expulsou Messi e Medel.Victor R. Caivano (AP)

MAIS INFORMAÇÕES

A Argentina superou o Chile nesta gelada tarde de sábado em São Paulo, na Arena Corinthians, e fechou a Copa América 2019 em terceiro lugar. Aguero e Dybala marcaram os gols argentinos logo no primeiro tempo, que teve como maior destaque a expulsão de Messi após discutir com Medel. Vidal diminuiu para os chilenos cobrando pênalti já na etapa final, mas não conseguiu guiar a atual bicampeã do torneio para o empate.

Em um primeiro tempo que começou dominado pelos argentinos, Aguero abriu 1 a 0 driblando Arias e finalizando para o gol vazio após receber ótimo passe de Messi. A lesão de Alexis Sanchez ajudou a Argentina, que ampliou logo aos 21 minutos: Dybala recebeu de Lo Celso e tocou por cima do goleiro chileno dentro da área. Depois, o Chile ficou mais presente no campo de ataque, mas sem encontrar espaços. Aos 37, Messi e Medel se desentenderam após uma disputa na linha de fundo e o árbitro paraguaio Mario Diaz expulsou os dois jogadores. O clima de revolta se instalou na Arena Corinthians, com varias e xingamentos de todos os lados para a decisão do paraguaio.

Ainda sob protestos da torcida, o segundo tempo voltou com os chilenos buscando o empate. O árbitro paraguaio foi protagonista novamente quando, aos 11 minutos, decidiu marcar pênalti de Lo Celso em Aránguiz após rever o lance na televisão do VAR. Vidal cobrou chutando forte no meio e diminuindo. Depois, a Argentina desperdiçou bons contra-ataques com Di Maria e Aguero, mas suportou a pressão chilena e segurou o 2 a 1 até o final, sem que Armani precisasse fazer muitas defesas. O terceiro lugar encerra a campanha da Argentina na Copa América do Brasil com vitória, mas ainda abaixo das duas últimas edições, quando a seleção de Messi foi vice-campeã.

Veja como contamos Argentina x Chile:

Arquivado Em: