Seleccione Edição
Login

Peru surpreende, passa pelo Chile e encara o Brasil na final da Copa América

Flores, Yotún e Guerrero marcaram na vitória por 3 a 0 em Porto Alegre pelas semifinais. O goleiro Gallese, que defendeu até pênalti, foi o destaque do jogo que marcou a volta dos peruanos à final sul-americana após 44 anos

peru vence chile semifinal copa america
Flores e Yotún comemoram o gol peruano. AP

O Peru surpreendeu o Chile e venceu o atual bicampeão da Copa América por 3 a 0 nesta quarta-feira, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, se classificando para a final do torneio sul-americano após 44 anos de ausência. Flores, Yotún e Paolo Guerrero marcaram os gols da vitória, que ainda teve uma atuação espetacular do goleiro Gallese. Os peruanos jogarão a decisão contra o Brasil no próximo domingo, no estádio do Maracanã, às 17h (horário de Brasília). As seleções já se enfrentaram nesta Copa América, quando os brasileiros golearam o Peru pela fase de grupos por 5 a 0. O Chile joga contra a Argentina no sábado, às 16h (horário de Brasília), em São Paulo, pela decisão do terceiro lugar.

Em um ótimo primeiro tempo, a seleção peruana sufocou os favoritos chilenos desde o primeiro minuto, quando Cueva desperdiçou um gol sozinho dentro da área. Aos 20, Cueva roubou a bola pela direita e cruzou para a área, onde Carrillo desviou de cabeça e Flores chegou completando para o gol e fazendo 1 a 0. O Chile tentou sair para o jogo, mas foi punido no contra-ataque. Com 37 minutos, Carrillo foi lançado pela direita e driblou o goleiro Arias, que saiu de forma atrapalhada para tentar ficar com a bola na lateral. O peruano cruzou para a entrada da área, onde Yotún dominou no peito e concluiu para o gol vazio, ampliando a vantagem da seleção de Guerrero em 2 a 0.

A etapa inicial terminou com uma grande defesa de Gallese em chute à queima-roupa de Fuenzalida, já antecipando o que seria o segundo tempo. Logo aos cinco minutos, Vargas desviou cruzamento e a bola acertou a trave do goleiro peruano. Depois, coube a Gallese fazer ótimas intervenções em chances criadas por Beausejour, Eduardo Vargas, Alexis Sánchez e Vidal. Nos acréscimos, Tapia enfiou uma linda bola e deixou Guerrero na cara do gol chileno. O camisa 9 driblou Arias e empurrou para o gol vazio, comemorando o 3 a 0 e a classificação peruana.

Ainda deu tempo de Gallese defender um pênalti cobrado de cavadinha por Vargas. O goleiro, que foi o grande destaque do jogo de hoje, já havia defendido uma penalidade de Gabriel Jesus no 5 a 0 e um de Suárez na disputa de pênaltis contra o Uruguai nas quartas de final. O Peru volta à final da Copa América pela primeira vez desde 1975, ano em que eliminou o Brasil nas semifinais e acabou campeão sul-americano. O outro troféu que os peruanos conquistaram do torneio foi em 1939.

Veja como contamos a partida entre Chile x Peru:

MAIS INFORMAÇÕES