Lila Moss, filha de Kate Moss, estreia como modelo em sua primeira campanha

Logo após fazer 16 anos, a jovem posou para a linha de beleza da Marc Jacobs. Será o início de uma carreira no mundo da moda?

A filha de Kate Moss em sua primeira campanha.
A filha de Kate Moss em sua primeira campanha.MARC JACOBS BEAUTY

MAIS INFORMAÇÕES

É a crônica de uma estreia anunciada. Lila Moss, filha de Kate Moss – a supermodelo por excelência dos anos noventa –, fez 16 anos em 29 de setembro e tudo indicava que logo seria contratada por uma grande empresa de moda. Foi assim com outras lolitas “filhas de”, como Kaia Gerber (Cindy Drawford), que desfilou pela primeira vez com a mesma idade, embora já tivesse posado em campanhas e revistas, e Lily-Rose Depp (Johnny Depp e Vanessa Paradis), que com apenas 17 já era a imagem dos óculos escuros da Chanel.

A Marc Jacobs Beauty, linha de beleza do estilista norte-americano, foi a primeira a apostar nessa jovem que promete continuar aparecendo em anúncios – e, quem sabe, também nas passarelas, agora que tem a idade mínima para desfilar.

Lila Grace Moss, que decidiu simplificar seu nome artístico deixando de lado o “Grace”, é fruto da relação entre a top model e Jefferson Hack, o famoso jornalista britânico fundador da revista Dazed and Confused, figura importante do mundo da moda que também costuma estar em toda as listas dos homens mais elegantes e bem vestidos. Desde pequena, Lila acompanhou Kate nos melhores desfiles e, segundo contou a própria modelo em mais de uma ocasião, sempre mostrou interesse pela moda e pelos estilismos da mãe. Com apenas 13 anos, protagonizou com Kate a capa da edição de junho da Vogue italiana, posando para o reconhecido fotógrafo Mario Sorrenti, com quem Kate teve uma relação nos anos noventa. Na época, Moss declarou à revista que a pequena não queria ser modelo; estava mais interessada em estilismo. Alguns anos depois, parece que a carreira de Lila poderia seguir um rumo totalmente diferente.

Lila Moss na campanha da The Braid Bar. 
Lila Moss na campanha da The Braid Bar. THE BRAID BAR

Embora tenha participado em 2017 de uma campanha para a firma britânica The Braid Bar, em que posou ao lado de Stella Jones (filha de Mick Jones, fundador da banda The Clash), sua estreia como imagem da linha de beleza da Marc Jacobs para este outono-inverno significa uma verdadeira incursão na elite da moda. Era de esperar que esse desembarque ocorresse graças a Tom Ford ou Marc Jacobs, dois dos estilistas mais próximos de sua mãe. A excelente amizade entre Kate e Jacobs vem de 1992, quando ela desfilou para a Perry Ellis, empresa que ele dirigia, numa famosa coleção dedicada ao grunge. Também acompanhou o criador em sua etapa à frente da Louis Vuitton – de 1997 a 2014 –, desfilando várias vezes para a maison francesa. Embora ela nunca tenha posado para a linha de beleza de Jacobs (que recrutou rostos tão díspares quanto os de Cher, Winona Ryder e Jessica Lange), sua filha assumiu o bastão. Não surpreende que o estilista a tenha escolhido, considerando seu costume de colocar “filhas de” em suas imagens publicitárias. Willow Smith, filha de Will Smith e Jaden Smith, e

Kate Moss e sua filha posando para a ‘Vogue’ da Itália.
Kate Moss e sua filha posando para a ‘Vogue’ da Itália.VOGUE

Betty Lowe, filha da cantora e estilista Pearl Lowe, são alguns exemplos. A própria Kaia Gerber estreou em sua primeira campanha de perfumes promovendo a Daisy, uma das principais fragrâncias da marca.

Lila, que tem uma conta privada no Instagram com o nome @lilabelle_moss, estreou um perfil público pouco antes do aniversário. Sua nova conta até agora só tem três posts e cerca de 7.000 seguidores, mas parece um passo lógico para consolidar sua presença digital como personagem pública e possível futura modelo. “É uma honra ser o rosto da nova campanha da @marcbeauty”, escreveu, publicando a imagem da campanha. Marc Jacobs também compartilhou a foto em sua conta do Instagram. “Quando conheci Lila Moss, em 2008, estava de férias em Ibiza e fui a Formentera naquele dia para visitar sua mãe, Kate Moss, e outros amigos e familiares. Com apenas seis anos de idade, a personalidade forte, o comportamento e a grande beleza de Lila já eram muito evidentes”, escreve o estilista. E continua: “A vez seguinte que a encontrei foi em 2011, no casamento de Kate. Sua personalidade era ainda mais enérgica, e sua beleza ainda maior. Em julho passado foi a última vez que a vi, quando Kate a levou ao nosso set para iniciar a campanha com David Sims. Foi um pouco surrealista ter Kate no estúdio com Lila, pois me lembrou a primeira vez que a conheci, quando tinha 18 anos.” Jacobs destacou também “a beleza, a compostura, a paciência e a amabilidade” de Lila.

Embora muitas empresas de moda e beleza exibam rostos maduros em suas campanhas (Isabella Rosellini, Kim Gordon e Jessica Lange, por exemplo), continua vigente a tentativa de descobrir talentos adolescentes, sobretudo filhas de grandes modelos ou velhas glórias. Essa busca alimenta o debate sobre se essas meninas são novas demais para estrear na moda. As passarelas só aceitam manequins com mais de 16 anos, mas nas campanhas publicitárias as idades são bem inferiores em numerosos casos.

A semelhança entre mãe e filha não é tão surpreendente quanto no caso de Cindy Crawford e Kaia Gerber, mas tudo indica que as grandes firmas não perderão a oportunidade de tentar alçar Lila Moss ao Olimpo da moda, como fizeram com sua mãe três décadas atrás.

Arquivado Em: