Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

Pai de Meghan Markle anuncia que não irá ao casamento dela com o príncipe Harry

Thomas Markle sofreu um ataque cardíaco há seis dias, mas saiu do hospital com a intenção de comparecer à cerimônia

Meghan Markle Ampliar foto
Thomas Markle com Meghan Markle recém nascida.

Meghan Markle não chegará mais de braços dados com seu pai ao altar da capela de Saint George, no Castelo de Windsor, no próximo sábado. Thomas Markle anunciou que não irá ao casamento da sua filha com o príncipe Harry, informa o site de celebridades TMZ. O pai da futura duquesa de Sussex, que sofreu um ataque cardíaco há seis dias, está muito envergonhado depois de um escândalo envolvendo a venda de fotos e decidiu não comparecer à cerimônia para não magoar sua filha nem a família real.

Thomas Markle contou ao mesmo site que no último ano se viu rodeado de paparazzi que o fotografaram em momentos embaraçosos. Por exemplo, comprando cerveja ou passeando sozinho e desalinhado. Markle enfatizou as várias imagens em que é visto comprando cerveja, alegando que a bebida não era para ele. Mas quando uma agência lhe propôs posar tirando as medidas para um terno ou procurando na Internet imagens da sua filha com o neto da rainha Elizabeth ele aceitou a oferta. Naquele momento, segundo o TMZ, viu uma oportunidade de resgatar sua imagem. Agora admite que parece "estúpido" nessas fotos e se arrepende de ter feito a sessão. Alega que as imagens foram ideia da agência, não dele.

Markle também declarou ao site que quando fez esse trato não pretendia magoar sua filha nem a família real britânica. Além disso, salienta que não agiu por dinheiro. Diz que desde que sua filha começou a namorar Harry chegou a receber ofertas de entre 50.000 e 100.000 dólares (181.000 a 362.000 reais) para conceder uma entrevista, e sempre as recusou.

O Príncipe Harry e Meghan Markle em Belfast.
O Príncipe Harry e Meghan Markle em Belfast. WireImage

Ao escândalo das fotos se somam a seus problemas de saúde. Thomas sofreu um ataque cardíaco há seis dias, mas obteve autorização dos médicos para ir ao casamento. O palácio de Kensington confirmou há poucos dias em nota que a noiva e sua mãe, Doria Ragland, chegariam juntas de carro ao Windsor. Depois, o senhor Markle conduziria a filha pelo corredor da Capela de Saint George. "A senhorita Markle está encantada de ter seus pais ao seu lado nesta importante e feliz ocasião", afirmava o comunicado.

Nesta segunda-feira, o príncipe Harry e Meghan Markle pediram respeito ao pai dela. "Este é um momento profundamente pessoal para a srta. Markle nos dias prévios ao seu casamento", afirmou o Palácio de Kensington em nota.

MAIS INFORMAÇÕES