Seleccione Edição
Login

“Hoje é um dia trágico para a democracia e para o Brasil”, diz PT

Partido diz que "Constituição foi rasgada" pelo STF com rejeição de 'habeas corpus' de Lula

Habeas corpus de Lula no STF
Rosa Weber com Édson Fachin e Dias Toffolli no plenário desta quarta.
Brasília / São Paulo

O Supremo Tribunal Federal (STF) negou nesta quarta-feira por 6 votos a 5 o habeas corpus que pretendia evitar a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O julgamento do recurso de Lula no STF ocorreu dias após o TRF-4 confirmar a condenação do petista por envolvimento no caso do triplex do Guarujá (SP), investigado pela Operação Lava Jato — a pena é de 12 anos e um mês de prisão. Caso o STF rejeite o recurso, ele pode ter ordem de prisão decretada, mas isso não deve ser imediato. Às vésperas da decisão, o comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, se juntou à pressão sobre a corte dizendo "repudiar a impunidade" enquanto grupos anti-Lula protestavam em várias cidades.

  • Placar da votação: 6 contra Lula (Edson Fachin, Alexandre de Moraes, Luis Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux, Cármen Lúcia) x 5 favoráveis a Lula (Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio Mello e Celso de Mello).

Veja como contamos minuto a minuto a jornada:

MAIS INFORMAÇÕES