Feminismo

Feminismo para desavisados: coisas que parecem feministas, mas não são

A segunda entrega da série que aborda a igualdade de gêneros com humor fala daquelas coisas que parecem feministas... E não são

As feministas podem ter sido "quatro histéricas" no início, mas pelo que foi visto no início de março nas ruas da Espanha e de muitos países, os machistas deveriam procurar outros argumentos. E o mais importante, antes mesmo de as feministas existirem, é que as mulheres são metade da população. Portanto, é inexorável encontrar um equilíbrio para que elas obtenham uma representação justa em todas as áreas. Sabe como fazer isso? A jornalista e ativista espanhola Nerea Pérez de las Heras explica na segunda parte do Feminismo para Desavisados: para que você não volte a cair na tentação de participar de congressos femininos de coisas que homens e mulheres fazem, de usar camisas com mensagens mais bonitas que as intenções de seus fabricantes, nem de fazer coisas que parecem feministas, mas não são.

Arquivado Em: