Seleccione Edição
Login

Avião dá meia volta depois de quatro horas de voo para deixar passageiro perdido

Aeronave regressou a Los Angeles quando se dirigia a Tóquio porque o viajante se enganou de voo

Avião da All Nippon Airways dá meia volta
Um avião da companhia ANA.

Um avião da All Nippon Airways (ANA) que voava de Los Angeles, nos EUA, a Tóquio, no Japão, com 150 pessoas a bordo deu meia volta depois de quatro horas de viagem porque transportava um passageiro que se havia enganado de voo, segundo confirmou a própria companhia aérea. O aparelho iniciou o retorno quando sobrevoava o oceano Pacífico pelo sul do Alasca, pois a companhia aplicou os protocolos de segurança para esse caso. No total, são oito horas de voo de Los Angeles a Tóquio.

Entre os passageiros prejudicados se encontravam a modelo norte-americana Christine Teigen e seu marido, o músico e ator John Legend. Ela se queixou do contratempo nas redes sociais: “Por que todos temos de ser punidos pelo erro dessa pessoa? Por que não aterrissar em Tóquio e enviar essa pessoa de volta? Como é possível que essa fosse a melhor ideia? Todos temos as mesmas perguntas”.

O voo NH175 da ANA com destino ao aeroporto de Tóquio Narita decolou de Los Angeles na terça-feira, 26 de dezembro, às 11h36 horário local (17h36 no horário de Brasília), mas teve que dar meia volta após quatro horas de trajeto para voltar a seu ponto de partida às 19h32 no horário de LA (quarta-feira 1h32 no horário de Brasília), segundo os dados do voo da página FligthAware.

"Segundo os procedimentos de segurança da empresa, o piloto decidiu voltar ao aeroporto de saída, onde o passageiro desembarcou”, explicou a ANA em um comunicado. “A ANA está investigando a situação para compreender por que o passageiro embarcou no avião”, especificou a companhia aérea, que pediu desculpas a todos os seus passageiros. “Passei oito horas em um voo para parte alguma”, reclamou a modelo por meio de sua conta no Twitter.

MAIS INFORMAÇÕES