Acidente de avião Chapecoense

Solidários, clubes prometem emprestar jogadores para reerguer a Chapecoense

Times da Série A falam em imunidade contra rebaixamento para o clube de Chapecó Atlético Nacional pede à Conmebol que entregue o título da Sul-Americana ao adversário

Imagem publicada pelo site do Atlético Nacional.
Imagem publicada pelo site do Atlético Nacional.Reprodução (Atlético Nacional)

Mais informações

Os clubes brasileiros querem transformar a solidariedade prestada à Chapecoense ao longo de toda esta terça-feira em ajuda prática: estão dispostos a entrar em campo pelo clube catarinense em 2017. A queda do avião que transportava a equipe da Chapecoense para Medellín, na Colômbia, para a disputa da final da Copa Sul-Americana de futebol, mobilizou os clubes da Série A, que vão solicitar à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) imunidade de rebaixamento por três temporadas para o clube de Chapecó.

A solidariedade também veio da Colômbia, onde a Chapecoense enfrentaria o Atlético Nacional na final da Copa Sul-Americana. Por meio de nota em seu site oficial, o clube colombiano convidou a Conmebol, órgão responsável pelo futebol na América do Sul, a dar o título da Copa à Chapecoense. Segundo o clube, esse é um ato de honra às perdas e homenagem póstuma aos atletas presentes no voo. Ao fim do comunicado, uma mensagem: "De nossa parte, e para sempre, Chapecoense campeã da Copa Sul-Americana de 2016".

CAMPEÓN DE LA SUDAMERICANA Atlético Nacional solicita a Conmebol que el título de la Sudamericana sea entregado a...

Gepostet von Club Atlético Nacional Oficial am Dienstag, 29. November 2016

No Brasil, clubes da primeira divisão do Campeonato Brasileiro como Palmeiras, Fluminense e Corinthians divulgaram "Medidas Solidárias à Chapecoense", que consistem principalmente em oferecer o empréstimo gratuito de seus jogadores na próxima temporada. Os clubes também combinaram de pedir à CBF "para que a Chapecoense não fique sujeita ao rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro pelas próximas 3 (três) temporadas". Os clubes explicam que, no caso de a Chapecoense terminar os próximos três campeonatos entre os quatro últimos colocados, o 16º colocado seria rebaixado.

Ainda não há, porém, confirmações por parte dos respectivos órgãos — Conmebol e CBF — quanto a essas medidas. Até o momento, sabe-se que a final da Copa Sul-Americana está suspensa. Quanto à última rodada do Campeonato Brasileiro, que seria realizada neste domingo, foi adiada em uma semana e deve ser disputada no dia 11 de dezembro.