Posse de Michel Temer após o impeachment de Dilma Rousseff

Parlamentares mantêm, porém, os direitos políticos da petista. Michel Temer assume a presidência definitivamente

Impeachment Dilma Rousseff posse Temer ao vivo
Senadores a favor do impeachment comemoram. AFP

O Senado Federal aprovou, por 61 votos a favor e 20 contra, o impeachment de Dilma Rousseff nesta quarta-feira, 31 de agosto. Porém, os senadores decidiram manter os direitos políticos dela. Ainda não está claro se ela poderá concorrer a cargos eletivos. Assim, a petista teve o mandato cassado e Michel Temer (PMDB) assume definitivamente a presidência da República. O julgamento do impeachment ocorre nove meses após o início do protesto contra Dilma Rousseff e depois de seis dias de discussões entre parlamentares, defesa e acusação no Congresso. Temer tomou posse em cerimônia rápida no Senado e discursou diante dos ministros. Ele cobrou lealdade dos partidos ao Governo e defesa em relação aos petistas: "Golpista é você, que é contra a Constituição".  

Veja a cobertura completa da posse de Michel Temer e os desdobramentos do impeachment de Dilma Rousseff:

MAIS INFORMAÇÕES