Impeachment

As frases dos senadores a Dilma Rousseff

Presidenta afastada respondeu, nesta segunda, aos questionamentos dos parlamentares no Senado como parte do julgamento do impeachment

Senadora Ana Amélia questiona Dilma no Senado.
Senadora Ana Amélia questiona Dilma no Senado.EVARISTO SA (AFP)

Dilma Rousseff se dirigiu pela primeira vez, nesta segunda-feira, aos senadores que julgam seu processo de impeachment. No início da manhã, a presidenta afastada fez um discurso de defesa e afirmou que a democracia está "sentada" com ela no banco dos réus. Dilma disse ainda que o Brasil está perto da concretização "de um verdadeiro golpe". Depois, a presidente afastada foi questionada por todos os senadores que manifestaram interesse em fazer perguntas. Até às 22h, mais de quarenta deles já tinham se pronunciado. Leia as principais frases:

"Você é a presidenta que mais atenção deu ao agronegócio nas últimas

três décadas", Kátia Abreu (PMDB-TO), contrária ao impeachment

Senadora Kátia Abreu.
Senadora Kátia Abreu.

"Não estamos julgando a presidenta, que não cometeu crime algum.

Estamos comparando duas propostas distintas de Governo”, Roberto

Requião (PMDB-PR), contrário ao impeachment

"O que a senhora disse com tanta veemência, que não ia subir juros,

que não ia faltar comida. A sua veemência no processo eleitoral. Agora

eu pergunto: quem mentiu no processo eleitoral?” Magno Malta (PR-ES),

a favor do impeachment

Senador Magno Malta (PR-ES) a favor do impeachment.
Senador Magno Malta (PR-ES) a favor do impeachment.Geraldo Magela (Agência Senado)

"Não foram meras operações isoladas, fizeram parte de uma estratégia

fiscal. Se vendeu um Brasil irreal aos brasileiros", Simone Tebet

(PMDB-MS), a favor do impeachment

"A senhora descumpriu o dever da transparência", Aloysio Nunes

Ferreira (PSDB-SP), a favor do impeachment

"Não é uma desonra perder a eleição defendendo ideias e respeitando a

lei", Aécio Neves (PSDB-MG), a favor do impeachment

"Ninguém está acima da Lei. Não estamos aqui julgando a sua biografia

e, sim, atos praticados pela senhora no seu Governo", Ana Amélia

(PP-RS)

"Seu Governo já não existe mais. Em horas, já não existirá mais a sua

presidência. E o legado que a senhora nos deixa nos está levando a um

retrocesso devastador”, José Aníbal (PSDB- SP), a favor do impeachment

Senador Aécio Neves.
Senador Aécio Neves.UESLEI MARCELINO (Reuters)

“A dor de uma traição é pior do que as balas e as baionetas. A maioria

sabe aqui nesse plenário que a senhora é inocente”, Paulo Paim (PT-RS)

“A senhora é a favor da reforma da previdência no tocante à restrição

aposentadoria invalidez e auxílio doença?”, Hélio José

(PMDB-DF), que se disse indeciso