El Chapo Guzmán

Cartel Jalisco Nova Geração sequestra filho de ‘El Chapo’

O procurador de Jalisco confirmou sequestro de Jesús Alfredo Guzmán Salazar, filho do narcotraficante

Os operadores do cartel de ‘El Chapo’.
Os operadores do cartel de ‘El Chapo’.Departamento del Tesoro de EE UU

O Estado mexicano de Jalisco está sob a ameaça de um surto de violência. O sequestro de um grupo de homens enquanto jantavam num restaurante de luxo em Puerto Vallarta, na segunda-feira, abalou a tranquilidade dessa região turística. Na terça-feira, a situação piorou: o Ministério Público do Estado confirmou que uma das pessoas sequestradas é o filho do narcotraficante Joaquín “El Chapo” Guzmán, e que ele foi levado por membros do cartel rival Jalisco Nova Geração.

Na madrugada de segunda-feira, um grupo de homens armados invadiu o restaurante “La Leche”, situado na abastada zona hoteleira de Puerto Vallarta. Chegaram pouco depois de o estabelecimento ter fechado, localizaram um grupo de 16 pessoas e obrigaram seis delas a embarcar em dois veículos, segundo a versão do Ministério Público de Jalisco. Todos deixaram o local, no qual permaneceram os carros dos sequestrados e várias peruas com placas dos Estados vizinhos de Nayarit, Sinaloa e também de Jalisco. Um deles tinha registro falso. Várias horas depois, o Ministério Público divulgou de forma confusa algumas informações sobre o sequestro, mas com uma certeza: as vítimas faziam parte de um grupo criminoso.

MAIS INFORMAÇÕES

Na tarde de terça-feira, o procurador Eduardo Almaguer deu uma entrevista coletiva na qual detalhou o andamento das investigações: o Ministério Público, o Exército e várias agências de segurança fizeram até o momento 30 diligências de investigação e 25 perícias; colheram 15 depoimentos de testemunhas, realizaram a inspeção de cinco veículos apreendidos e do restaurante.

Com base nesses trabalhos, conseguiram determinar as identidades de quatro reféns: Juan Daniel Calva Tapia, de 53 anos; Josias Nahualli Rábago Borbolla, de 35; Víctor Galván Urena, de 46, e Jesús Alfredo Guzmán Salazar, de 29, filho de Joaquín Guzmán Loera, chefe do cartel de Sinaloa e até janeiro o traficante de drogas mais procurado do mundo.

Almaguer também informou que as investigações permitem afirmar que os sequestradores pertencem ao cartel Jalisco Nova Geração, que disputa essa região do oeste do México com o cartel de Sinaloa.

De acordo com as primeiras investigações do Ministério Público, o sequestro de Puerto Vallarta é parte de um conflito entre cartéis que disputam a região. Uma vez confirmada a identidade das vítimas, o escritor e colunista Héctor de Mauleón afirmou: “Vallarta pode estar à beira de um pesadelo”.

Arquivado Em: