Pelo menos 16 pessoas morrem em acidente aéreo em Taiwan

O voo da TransAsia, com 58 pessoas a bordo, chocou-se contra um viaduto

Momento em que o avião chocou-se contra o viaduto. Reuters-LIVE! (reuters_live)

Pelo menos 16 pessoas morreram em um acidente aéreo na capital de Taiwan, Taipei, segundo confirmação das equipes de resgate. É um avião da companhia aérea TransAsia, que transportava 58 pessoas e caiu no rio Keelung pouco depois de ter decolado do aeroporto da capital taiwanesa.

O avião, de acordo com informações da Autoridade de Aviação de Taiwan, era um ATR72-600 com dois motores turboélice de fabricação francesa que entrou em serviço apenas 10 meses atrás, e que teve a última revisão em 26 de janeiro. Outro avião da mesma companhia aérea caiu na ilha de Penghu em julho, quando tentava aterrissar durante uma tempestade, em um acidente no qual 48 pessoas morreram.

MAIS INFORMAÇÕES

As imagens da televisão local mostram a fuselagem do avião semi-submerso no rio, enquanto as equipes de resgate, em balsas infláveis, tentam resgatar com cordas os ocupantes presos em seu interior. Segundo fontes oficiais, já são 16 as vítimas mortais, enquanto ainda busca-se parte dos passageiros, provavelmente presos na parte dianteira da aeronave. As equipes de bombeiros afirmam que 15 passageiros foram resgatados dos restos do avião, informa a AFP.

O voo GE235, tripulado por dois pilotos, partiu do aeroporto de Taipei com destino à ilha de Kinmen, um arquipélago a oeste de Taiwan controlado pelo Governo da ilha. Por razões ainda desconhecidas, chocou-se contra o viaduto de uma estrada antes de cair no rio pouco antes das 11h locais (1h de Brasília).

Um dos pilotos alertou a torre de controle antes do avião cair. A Administração de Aeronáutica Civil de Taiwan informou que o piloto disse "mayday" em pelo menos três ocasiões por volta das 10h54, hora local (0h54 de Brasília), segundo a agência oficial CNA.

O avião acertou com uma de suas asas um táxi que circulava pelo viaduto no momento do acidente. O condutor e a passageira do veículo encontram-se feridos mas estáveis após serem hospitalizados.

Segundo a agência de notícias Xinhua, entre os passageiros do avião encontravam-se 31 pessoas de nacionalidade chinesa. O novo acidente aconteceu após um 2014 que se transformou em um ano negro para a aviação asiática. Em 8 de março desapareceu, com 239 pessoas a bordo, o voo MH370 da companhia aérea Malaysia Airlines quando fazia a rota entre Kuala Lumpur e Pequim. A companhia declarou, por fim, que o ocorrido foi "um acidente", após 10 meses de buscas dos restos do avião, sem resultados.

Em julho, o acidente da TransAsia somou-se à queda do avião MH17 quando sobrevoava a Ucrânia durante o trajeto Amsterdã-Kuala Lumpur. Morreram 298 pessoas. Em 26 de dezembro, caiu no mar de Java um avião da companhia aérea AirAsia que partiu de Surabaya, na Indonésia, e voava para Singapura, em uma tragédia na qual 162 pessoas perderam a vida.

O presidente da TransAsia, Chen Xinde, deu uma entrevista coletiva e ofereceu "profundas desculpas" pelo acidente do avião, informa a Reuters.