Um avião vietnamita localiza dois possíveis pedaços da fuselagem do B-777

Uma frota internacional formada por 40 barcos e 34 aviões continua rastreando as águas na costa de Vietnã e Malásia

Imagens do que poderia ser um pedaço do aparelho.
Imagens do que poderia ser um pedaço do aparelho.TIENPHONG.VN / HANDOUT (EFE)

Uma frota internacional formada por 40 barcos e 34 aviões continua rastreando as águas em frente à costa do Vietnã e Malásia, em busca do aparelho sinistrado com 239 pessoas a bordo. Quando já havia anoitecido na região, a autoridade da aviação civil do Vietnã informou que um avião da Marinha de seu país avistava dois objetos no mar à altura da ilha de Tho Chu, que poderiam corresponder aos restos do B-777 da Malaysian Airlines desaparecido na madrugada do sábado quando voava de Kuala Lumpur a Pequim, mas que já estava escuro para confirmá-lo.

No sábado foram descobertas duas grandes manchas de óleo no mar, de entre 10 e 15 quilômetros de largura cada uma. O governo malásio não confirmou se há relação com o aparelho desaparecido, mas explicou que se encaixam com o tipo de manchas que produziriam os dois depósitos de combustível da aeronave.

Nos trabalhos de busca participam, entre outros, 15 aviões, seis barcos militares e três guarda-costas da Malásia, e dois barcos, dois aviões e um helicóptero do Vietnã. Também a China e Filipinas enviaram barcos à região. Os Estados Unidos mobilizaram um navio de guerra e um avião radar, e Cingapura, um avião e um submarino.

 

Arquivado Em: