FMI

Quais os países que mais crescerão em 2017? E quem crescerá menos?

PIB da Líbia deve ter o maior crescimento (53,7%), segundo previsões do FMI. Brasil cresce 0,2%

FMI | Crise Econômia

Crise no Brasil leva a América Latina a uma recessão mais severa, diz FMI

Região terá retração de 0,6% este ano por causa da crise no país, cujo PIB deverá cair 3,3% em 2016

CÚPULA ANUAL FMI

FMI teme onda de populismo puxada por fragilidade da economia global

A freada dos Estados Unidos e o efeito ‘Brexit’ pesam sobre as economias desenvolvidas

REUNIÃO DO FMI COM O BANCO MUNDIAL

FMI pede mais munição para salvar a recuperação econômica

A recessão da Rússia e do Brasil, a desaceleração da China, as dúvidas sobre a Europa e o dólar dificultam a reativação econômica

TERMôMETRO ECONÔMICO E SOCIAL Da AMÉRICA LATINA »

Vencendo a desaceleração: lições da América Latina e da Ásia

As duas regiões estão conectadas pelo comércio e pelos vaivéns da economia mundial

Cúpula do FMI e do Banco Mundial

Brasil monopoliza as preocupações na reunião do FMI em Lima

A maior potência latino-americana foi uma das protagonistas do fórum

Cúpula do FMI e do Banco Mundial
Cúpula do Banco Mundial e do FMI

Chefe do Banco Mundial: “Ajudar os pobres é positivo, mas com condições”

Sul-coreano Jim Yong Kim alerta contra a tentação de cortar orçamentos educacionais

Augusto de la Torre | economista-chefe do Banco Mundial

Banco Mundial: “Recessão no Brasil não se justifica. País sairá logo da crise”

Para Augusto de la Torre, economista-chefe do Banco Mundial, as incertezas políticas limitam retomada do crescimento

Economia latino-americana

FMI alerta sobre a dívida das empresas dos países emergentes

Países em desenvolvimento têm dívidas no valor de 11,6 trilhões de reais

Cúpula do FMI

Desastre na Venezuela: inflação de 200% e queda do PIB de 10%

FMI acredita que os preços se multiplicarão por oito em apenas dois anos

Cúpula do Banco Mundial e FMI

FMI projeta queda de 3% do PIB do Brasil em 2015 e destaca crise política

Fundo Monetário vê cenário de deterioração “mais profunda do que se imaginava”

Cúpula do FMI

Desaceleração dos emergentes esfria o crescimento mundial

FMI prevê que PIB global avance 3,1% em 2015, o ritmo mais baixo em seis anos

Relatório do Banco Mundial

Número de pessoas em extrema pobreza cai para menos de 10%

Cerca de 700 milhões vivem com menos de 1,90 dólar por dia, segundo o Banco Mundial