_
_
_
_

Macarena Vidal Liy: “Da China, contamos como seria o futuro, e isso gerou um enorme interesse dos leitores”

Correspondente do El PAÍS em Pequim elogia “o olhar próprio” do jornal, que foi possível graças a uma rede de profissionais espalhada no mundo inteiro

Mais informações
Marina Rossi, periodista de EL PAÍS Brasil.
Marina Rossi: “O leitor me ensinou a buscar mais que a simples notícia. Ele quer análise, boas discussões”
La periodista de EL PAÍS Amanda Mars.
Amanda Mars: “O método jornalístico do correspondente consiste em extrair de toda história particular a tendência de fundo”
El analista de datos de EL PAÍS Kiko Llaneras.
Kiko Llaneras: “Nossos leitores queriam ver os números da covid-19 por si mesmos”

A correspondente do EL PAÍS na China, Macarena Vidal Liy, tem sido o posto avançado dos leitores do jornal nesta pandemia. Desde o início da crise em Wuhan, ela informou sobre a evolução dos contágios na região e sobre as medidas adotadas. “Contamos o que aconteceria, o que seria o futuro, e isso gerou um enorme interesse entre os leitores”, explica a jornalista.

“O fato de que tenham fechado uma cidade inteira com 11 milhões de habitantes, e depois uma província inteira, nos deu a ideia de que aquilo não era uma brincadeira”, recorda. A partir de então a China, que atravessou meses muito duros com restrições de todo tipo, controlou a propagação do vírus e já não obriga o uso da máscara.

O EL PAÍS tem descrito todas as etapas da evolução da crise sanitária —não apenas na China, mas também no mundo— graças à sua rede de correspondentes. “O valor oferecido pelo EL PAÍS é o valor oferecido por seus jornalistas e correspondentes”, diz Vidal Liy, lembrando que isso permite que o jornal tenha seu próprio olhar.

A correspondente afirma que o desenvolvimento do continente asiático, e da China especificamente, permite prever que essa região abrirá o caminho do futuro: “Nós do EL PAÍS estamos perfeitamente situados para poder explicar as mudanças que veremos aqui e o impacto que elas terão no resto do mundo.”

Apoie a produção de notícias como esta. Assine o EL PAÍS por 30 dias por 1 US$

Clique aqui

Inscreva-se aqui para receber a newsletter diária do EL PAÍS Brasil: reportagens, análises, entrevistas exclusivas e as principais informações do dia no seu e-mail, de segunda a sexta. Inscreva-se também para receber nossa newsletter semanal aos sábados, com os destaques da cobertura na semana.

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS
_
_