Barcelona e Real Madrid ficam no empate sem gols em partida atrasada do campeonato espanhol

Jogo ficou marcado por protestos políticos pela independência da Catalunha e resultado mantém o Barça na liderança da tabela

Messi, observado por Courtois e Modric, não conseguiu concluir ao gol madridista.
Messi, observado por Courtois e Modric, não conseguiu concluir ao gol madridista.Alberto Estevez (EFE)
Diogo Magri
Mais informações
Zozulya, en el Rayo-Albacete del domingo
Jogo é suspenso na Espanha após torcida xingar rival de “nazista”
Soccer Football - Champions League - Round of 16 draw - Nyon, Switzerland - December 16, 2019   General view of the big screen showing the results of the draw   REUTERS/Denis Balibouse
Real Madrid enfrenta o Manchester City nas oitavas de final da Champions League

Barcelona e Real Madrid ficaram no 0 a 0 nesta quarta-feira, no Camp Nou, pela 10ª rodada atrasada do campeonato espanhol. O jogo deveria ter acontecido em outubro, mas foi adiado por conta dos protestos políticos pela independência da Catalunha. Inflamado pelos 95.000 presentes no estádio, o jogo foi movimentado no primeiro tempo. O Real teve as melhores chances antes, obrigando Ter Stegen a fazer boas defesas e até Piqué a salvar um gol de Casemiro em cima da linha. O zagueiro espanhol do outro lado Sergio Ramos, também apareceu como salvador quando defendeu o chute de Messi com os pés após corte parcial do goleiro Courtois. Aos 43 minutos, Alba teve a chance de abrir o placar após lindo lançamento de Messi, mas chutou para fora na cara do gol.

A etapa final não teve a mesma quantidade de chances do primeiro tempo. Aos 27 minutos, Mendy recebeu na frente da zaga e cruzou para Bale abrir o placar. No entanto, o auxiliar flagrou um impedimento corretamente do lateral francês no começo da jogada. Antes, o momento que mais chamou a atenção aconteceu aos 12 minutos, quando os manifestantes catalães soltaram balões amarelos em campo como forma de protestar a favor do movimento separatista. A transmissão espanhola cortou a imagem do campo durante o protesto. Em campo, Zidane arriscou mais ao colocar Rodrygo, mas prevaleceram as faltas; a partida terminou com cinco amarelados no Real e três no Barça. Com o 0 a 0, o primeiro entre os rivais desde 2002, o Barcelona se mantém na liderança do campeonato espanhol, com os mesmos 36 pontos do Real Madrid e cinco a frente do Sevilla, terceiro colocado.

Veja como contamos Barcelona x Real Madrid:

Diogo Magri
Encerramos por aqui a cobertura de Barcelona 0 x 0 Real Madrid pelo campeonato espanhol. Obrigado pela companhia e até a próxima!
Diogo Magri
Os protestos políticos pela independência da Catalunha, que adiaram o clássico marcado para outubro, também foram pano de fundo do clássico de hoje. A torcida catalã fez mosaico e protestou duas vezes durante o jogo, que contou com um forte aparato policial contra separatistas.
Diogo Magri
O primeiro 0 a 0 entre Barça e Real desde 2002 faz com que os catalães permaneçam na liderança do campeonato espanhol, com os mesmos 36 pontos dos madridistas. Sevilla é o terceiro, com 31.
Diogo Magri
Rodrygo entrou no segundo tempo e não conseguiu mudar o jogo. Sergio Ramos se tornou o jogador com mais clássicos disputados (43) e Ansu Fati, que entrou no segundo tempo, foi o mais jovem a entrar no clássico desde 1941.
Diogo Magri
Casemiro foi eleito o melhor da partida, o que é simbólico. O brasileiro foi bem marcando Messi, que ainda assim criou chances não aproveitadas de tirar o zero do placar.
Diogo Magri
Um clássico decepcionante para o tamanho de Barcelona x Real Madrid. Depois de um primeiro tempo com boas chances, os dois times decepcionaram na etapa final e o jogo foi mais faltoso do que jogado.
Diogo Magri
FIM DE JOGO! Barcelona e Real Madrid empatam por 0 a 0 no Camp Nou.
Diogo Magri
46 minutos. Carvajal acerta Ansu Fati e leva amarelo.
Diogo Magri
45 minutos. Cinco de acréscimos.
Diogo Magri
40 minutos. Há 17 anos o clássico espanhol não termina empatado em 0 a 0. Desde então, os dois nunca estiveram tão perto.
Diogo Magri
37 minutos. Aplaudido, Ansu Fati entra no lugar de Griezmann.
Diogo Magri
34 minutos. Vem brasileiro aí! Rodrygo entra no lugar de Isco. Modric também vem para o lugar de Valverde.
Diogo Magri
32 minutos. Sergio Ramos é o amarelado da vez. Deu um pontapé em Messi.
Diogo Magri
30 minutos. Mais um amarelo. Isco recebe por falta em Griezmann.
Diogo Magri
27 minutos. O auxiliar flagrou o impedimento de Mendy, que recebeu a frente da zaga catalã e tocou para Bale marcar. Decisão foi correta.
Diogo Magri
Gol de Bale anulado por impedimento!
Diogo Magri
24 minutos. Agora é Bale quem leva amarelo por entrada em Griezmann.
Diogo Magri
22 minutos. Valverde rola para Bale, que chuta na rede pelo lado de fora.
Diogo Magri
21 minutos. Messi carimba a barreira na cobrança de falta.
Diogo Magri
20 minutos. Casemiro leva o amarelo por carrinho em Suárez.

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS