Brasil só empata amistoso contra o Senegal e chega a três jogos sem vencer

Roberto Firmino abriu o placar no começo do jogo, mas Diedhiou empatou ainda no primeiro tempo. Sequência sem vitória é a pior sob o comando de Tite

Neymar preso no meio da marcação de Kouyate e Sarr.
Neymar preso no meio da marcação de Kouyate e Sarr.
Diogo Magri
São Paulo -
Mais informações

Brasil e Senegal empataram o amistoso em Singapura nesta quinta-feira por 1 a 1, com gols de Roberto Firmino para os brasileiros e Diedhiou para os senegaleses. O empate, que aconteceu no estádio nacional do país com mais da metade das arquibancadas vazias, marcou o terceiro jogo sem vencer em sequência da seleção brasileira, que empatou com a Colômbia e perdeu para o Peru após o título da Copa América. É a pior marca do Brasil, que não passava três jogos sem vencer desde 2013, sob o comando do treinador Tite.

Com oito minutos de jogo, Gabriel Jesus recebeu de Coutinho pela direita, trouxe para o meio e deixou Roberto Firmino na cara do gol, que deu um toque por cima do goleiro Gomis para abrir o placar. Depois do 1 a 0, o Brasil se acomodou e viu o Senegal ameaçar aos poucos, com chutes perigosos de Mané e Gueye. Aos 44 minutos, o atacante do Liverpool driblou Daniel Alves e Marquinhos pela esquerda antes de ser derrubado dentro da área pelo zagueiro. Diedhiou foi para a cobrança de pênalti e empatou a partida. No último lance do primeiro tempo, Neymar saiu na cara do goleiro, mas Gomis impediu o gol com os pés.

O Brasil parecia mais animado no começo da segunda etapa mas, assim como no primeiro tempo, finalizou sem oferecer muito perigo ao goleiro senegalês, com uma chegada perigosa de Gabriel Jesus e uma cobrança de falta para fora de Neymar. Depois, foi o Senegal que obrigou Ederson a fazer grande defesa em chute de Sarr e, quase nos acréscimos, acertou a trave dos brasileiros em jogada de Mané pela esquerda. A seleção brasileira volta a campo no próximo domingo pela manhã, também em Singapura, quando enfrenta a Nigéria.

Veja como contamos Brasil x Senegal:

Diogo Magri
Encerramos por aqui a cobertura do amistoso Brasil 1 x 1 Senegal em Singapura. Obrigado pela companhia e até a próxima!
Diogo Magri
Diogo Magri
Também em Singapura, o Brasil volta a campo no próximo domingo de manhã para jogar contra a Nigéria.
Diogo Magri
Diogo Magri
Depois de vencer a Copa América, são agora três jogos sem vitória para a seleção brasileira: empate com a Colômbia, derrota para o Peru e empate com Senegal. É a pior sequência da "era Tite"; o Brasil não chegava a esse jejum desde 2013.
Diogo Magri
Diogo Magri
Do lado brasileiro, um time sem criatividade no qual Firmino fez um gol e deixou Neymar na cara para fazer o segundo, mas o camisa 10 chutou em cima do goleiro. No restante, ataques pouco perigosos de Gabriel Jesus e Richarlison.
Diogo Magri
Diogo Magri
Depois de abrir o placar no começo com um belo gol de Firmino, o Brasil assistiu Senegal empatar ainda na primeira etapa e criar as melhores chances no segundo tempo. Quase nos acréscimos finais, Mané acertou a trave em um jogo onde Senegal poderia ter saído com a vitória.
Diogo Magri
Diogo Magri
Fim de jogo! O Brasil fica no empate com Senegal em Singapura: 1 a 1.
Diogo Magri
Diogo Magri
47 minutos. Muda de novo o Senegal. Thioub no lugar de Sarr.
Diogo Magri
Diogo Magri
45 minutos. Cinco de acréscimo.
Diogo Magri
Diogo Magri
44 minutos. Neymar cobra falta para defesa tranquila de Gomis.
Diogo Magri
Diogo Magri
43 minutos. Público de 20.000 pessoas no estádio Nacional de Singapura, onde cabem 55.000 espectadores.
Diogo Magri
Diogo Magri
42 minutos. Quase! Neymar tocou para Richarlison pela direita da área, que chegou batendo com muito perigo!
Diogo Magri
Diogo Magri
40 minutos. NA TRAVE! Mané arranca pela esquerda e bate de chapa, acertando a trave esquerda de Ederson!
Diogo Magri
Diogo Magri
39 minutos. Sarr chega chutando de fora da área e Ederson pula para defender!
Diogo Magri
Diogo Magri
34 minutos. E Senegal muda outra vez. Gueye por Ndiaye.
Diogo Magri
Diogo Magri
33 minutos. Renan Lodi vem para o lugar de Alex Sandro.
Diogo Magri
Diogo Magri
32 minutos. Sai o autor do gol senegalês, Diedhiou. Diallo vem em sum lugar.
Diogo Magri
Diogo Magri
25 minutos. Agora, é Alex Sandro quem faz falta e leva amarelo. Tite mexe de novo: Coutinho por Richarlison.
Diogo Magri
Diogo Magri
24 minutos. Neymar cobra a falta com muito perigo, assustando o goleiro Gomis.
Diogo Magri
Diogo Magri
22 minutos. Gabriel Jesus puxava a jogada quando foi parado com falta por Koulibaly. Amarelo para o senegalês. Na pausa, Matheus Henrique veio para o lugar de Arthur.
Diogo Magri
Diogo Magri
20 minutos. No Senegal, Sarr entra na vaga de Kouyate.
Diogo Magri

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS
Logo elpais

Você não pode ler mais textos gratuitos este mês.

Assine para continuar lendo

Aproveite o acesso ilimitado com a sua assinatura

ASSINAR

Já sou assinante

Se quiser acompanhar todas as notícias sem limite, assine o EL PAÍS por 30 dias por 1 US$
Assine agora
Siga-nos em: