Copa América 2019

Chile elimina Colômbia nos pênaltis e avança às semifinais da Copa América

Seleção chilena teve dois gols anulados pelo VAR e empatou por 0 a 0 com colombianos em São Paulo. Na disputa de pênaltis, Alexis Sanchez fez o gol da classificação após erro de Tesillo

Os jogadores do Chile celebram a vitória.
Os jogadores do Chile celebram a vitória. Fernando Bizerra (EFE)

MAIS INFORMAÇÕES

O Chile bateu a Colômbia nos pênaltis nesta sexta-feira, na Arena Corinthians, em São Paulo, e garantiu vaga nas semifinais da Copa América 2019. Após um empate por 0 a 0 no tempo regulamentar, em que os chilenos tiveram dois gols anulados pelo VAR, os atuais bicampeões sul-americanos garantiram a vaga acertando os cinco pênaltis da disputa. A classificação só foi definida na última rodada de batidas, quando Tesillo errou para a Colômbia e Alexis Sánchez converteu para os chilenos. Agora, o Chile aguarda o vencedor do confronto entre Uruguai x Peru, que acontece amanhã, às 16h (horário de Brasília).

Depois de uma pressão colombiana nos dez minutos iniciais do primeiro tempo, os chilenos chegaram a abrir o placar aos 15; Alexis Sanchez viu a ultrapassagem de Beausejour pela esquerda e colocou para o lateral cruzar no meio da pequena área. Ospina parecia seguro no lance, mas se embolou com Davinson Sanchez e a bola sobrou nos pés de Aranguiz, que empurrou para o gol vazio. A seleção chilena comemorou bastante mas, após alguns minutos de revisão, o VAR avisou o árbitro do impedimento de Beausejour na origem da jogada, o que anulou o gol do Chile. O restante do primeiro tempo foi movimentado, mas sem grandes chances de gol. Mina, que foi vaiado pelos corintianos presentes por conta de sua passagem pelo Palmeiras, teve uma discussão que terminou em empurrões com Alexis, mas sem cartões.

Os chilenos continuaram buscando mais o ataque no segundo tempo, enquanto a Colômbia, que teve um apagado James Rodríguez hoje, tentava roubar a bola para ligar o contra-ataque. Aos 25 minutos, Alexis recebeu na área e tocou de lado para Vidal, que chegou batendo cruzado de canhota e acertando o canto de Ospina. A seleção chilena comemorou bastante mas novamente o VAR entrou em ação. Após rever o lance, o árbitro argentino Nestor Pitana viu um toque na mão do zagueiro Maripan no ataque e anulou o gol chileno. O 0 a 0 persistiu até o fim do tempo regulamentar e a vaga foi decidida nos pênaltis, onde o Chile foi impecável. James, Vidal, Cardona, Vargas, Cuadrado, Pulgar, Mina e Aranguiz acertaram todas as cobranças até a última rodada, quando Tesillo mandou para fora o seu pênalti. Coube a Alexis deslocar o goleiro Ospina e garantir a vaga chilena, que volta às semifinais da Copa América três anos após o bicampeonato da competição.

Veja como contamos Colômbia x Chile: