Cinema

“O cinema nacional está no imaginário da população brasileira”

Lila Foster, curadora da Mostra de Cinema de Tiradentes, conversa com o EL PAÍS sobre o evento

Mais informações

Tradicionalmente, a Mostra de Cinema de Tiradentes abre o calendário de eventos do audiovisual brasileiro. É uma primeira vitrine para produções nacionais que entrarão para o circuito comercial ou que continuaram circulando por festivais ao longo do ano. Em 2018, o evento chega a sua 21ª edição, sendo um dos mais longevos do Brasil, e acontece entre esta sexta-feira, 19, e 27 de janeiro.

Em entrevista ao vivo ao EL PAÍS, que pode ser vista no vídeo acima, Lila Foster, uma das curadores do evento, comenta as escolhas da mostra e explica a temática escolhida – "chamado realista" –, que, segundo ela, é uma das tendências no cinema nacional atual. Foster também fala sobre o cenário da produção audiovisual no país, a presença feminina na indústria e as expectativas para o evento.

No EL PAÍS, dezenas de jornalistas trabalham para levar a você as informações apuradas com mais cuidado e para cumprir sua missão de serviço público. Se quiser apoiar nosso jornalismo e ter acesso ilimitado, pode fazê-lo aqui por 1 euro no primeiro mês e 10 euros a partir do mês seguinte, sem compromisso de permanência.

Inscreva-se

Mais informações