O avião em que viajava o ministro da Defesa de Laos cai no norte do país

A aeronave militar tinha 14 passageiros e tripulantes, entre elas o prefeito da capital As autoridades não confirmaram por enquanto o número de mortos ou sobreviventes

O ministro de Defesa de Laos, Douangchay Phichit, em uma foto de 2004.
O ministro de Defesa de Laos, Douangchay Phichit, em uma foto de 2004. (AP)

Um avião militar do Governo de Laos no qual viajavam o ministro de Defesa, Douangchae Phichit, e outros representantes do Estado caiu hoje na província de Xiang Kuang, no norte do país, segundo confirmou uma fonte oficial.

As autoridades não confirmaram por enquanto o número de mortos ou sobreviventes do acidente da aeronave, em que viajavam ao menos 14 pessoas, segundo o ministério de Defesa. O portal de notícias Laos Pictures divulgou no seu perfil do Facebook uma foto de uma grande coluna de fumaça preta que supostamente pertencem ao avião Antonov AN-74-300 acidentado. Segundo este portal, o ministro de Defesa do Laos e sua mulher, o ministro de Segurança Pública e o prefeito de Vienciana, a capital do Laos, estariam entre as vítimas fatais do acidente.

No entanto, uma fonte próxima ao ministério da Defesa, que falou em condição de anonimato, não pôde confirmar as informações aparecidas em alguns desses jornais da vizinha Tailândia sobre a morte do ministro, embora tenha assegurado que ao menos três passageiros sobreviveram ao acidente. "Um avião da força aérea de Laos caiu em seu caminho para a província de Xiang Khouang no norte do país. O prefeito de Vieciana -a capital de Laos-, o ministro de Defesa e sua mulher estavam a bordo", afirmou.

O avião partiu esta manhã desde Vienciana com destino a Xiang Kuang para que os representantes do Estado fossem à celebração de atos militares, que foram suspenso após o sinistro.

Em outubro do ano passado, 49 pessoas morreram, entre tripulantes e passageiros de 11 nacionalidades, quando um avião da companhia Lao Airlines se acidentou no sul do país.

Arquivado Em: