Tempestade Dennis causa três mortes, cancelamento de voos e cortes de luz no Reino Unido

Exército é mobilizado para ajudar na construção de barreiras e centenas de residências são evacuadas

Serviços de emergência realizam resgate em Nantgarw (Gales) depois das inundações por causa da tempestade Dennis.
Serviços de emergência realizam resgate em Nantgarw (Gales) depois das inundações por causa da tempestade Dennis.Ben Birchall / AP

Os britânicos mal tiveram trégua: depois da tempestade Ciara, veio a Dennis. Fortes chuvas e ventos de até 150 quilômetros por hora atingiram neste domingo o País de Gales e o sudeste da Inglaterra. O Exército foi mobilizado nas áreas afetadas para ajudar na construção de barreiras, e centenas de residências foram evacuadas. Pelo menos três pessoas morreram. As ondas que açoitaram a costa chegaram a 30 metros de altura. Além disso, milhares de passageiros foram afetados pelo cancelamento de voos, e em algumas partes do país o tráfego ferroviário foi suspenso e houve amplos cortes de energia.

Um homem de 60 anos morreu após cair no rio Tawe, em Ystradgynlais (Gales), na manhã deste domingo. As equipes de socorro conseguiram resgatá-lo pouco depois, mas, apesar dos esforços para reanimá-lo, ele foi declarado morto no próprio local, informou a polícia. Outros dois corpos foram retirados do mar em Margate e Herne, no sudeste da Inglaterra, e outro adulto está desaparecido.

A Agência Meteorológica do Reino Unido emitiu quase 600 alertas de grandes inundações, um número histórico. Pelo menos quatro localidades, duas na Inglaterra e duas em Gales, sofreram transbordamentos dos rios adjacentes. A tempestade também provocou o cancelamento de centenas de voos, informaram as empresas British Airways e Easyjet.

O Instituto Meteorológico da Grã-Bretanha (MET) emitiu para o sul de Gales um alerta vermelho, o nível mais elevado, devido às fortes chuvas trazidas por Dennis. Esse nível de emergência equivale a “condições meteorológicas perigosas”, com “risco de morte”. Também significa que o fornecimento de energia está ameaçado e podem ocorrer danos na infraestrutura.

No sul do País de Gales caíram 132,8 milímetros de chuva entre a manhã de sábado e a manhã deste domingo, o equivalente de um mês de precipitações neste período na região, segundo o MET. As autoridades ordenaram evacuações em várias localidades, entre elas o município galês de Skenfrith, que pertence ao condado de Gwent.

No sábado, o Ministério de Defesa enviou equipes do Exército para West Yorkshire, uma área do norte da Inglaterra duramente afetada no fim de semana passado pelas inundações provocadas pela tempestade Ciara. Além disso, várias competições esportivas previstas para este domingo foram canceladas.

Mais informações

O mais visto em ...

Top 50