Seleccione Edição
Login

A melhor aluna de um colégio de Dallas revela em seu discurso que é ‘ilegal’

“Os imigrantes sem documentos também são gente”, reclama a jovem

A melhor aluna da escola secundária McKinney Boyd High School, Larissa Martinez, revelou em pleno discurso de fim de ano seu status de ilegal no país e narrou sua trajetória do México para os Estados Unidos.

Quando o debate sobre a imigração ilegal ganha protagonismo na campanha presidencial dos Estados Unidos, a aluna de origem mexicana demonstrou que nem todos que cruzam a fronteira “são criminosos e estupradores”, como os descreveu Donald Trump.

Em uma pequena cidade localizada ao norte de Dallas, Martínez parou diante de seus professores e colegas e falou de sua história. “Depois de todos estes anos, finalmente reuni a coragem necessária para estar diante de vocês e compartilhar uma luta que tenho de enfrentar todos os dias", disse. “Estamos aqui sem documentação oficial porque o sistema de imigração dos Estados Unidos está quebrado e obrigou muitas famílias a viver no medo”, afirmou.

A jovem viajou com a mãe e a irmã para o Texas em 2010 para fugir de um pai abusivo e alcoólatra. Martínez foi aceita na Universidade de Yale para continuar seus estudos. O discurso foi realizado enquanto em Houston na sexta-feira começava a maior convenção de “dreamers” nos Estados Unidos, da qual participarão 1.000 jovens de 33 Estados.

MAIS INFORMAÇÕES