Real Madrid e Manchester City empatam por 0 a 0 na Inglaterra

Real jogou sem Cristiano Ronaldo e parou na grande atuação do goleiro inglês Joe Hart

Joe Hart salvou o City.
Joe Hart salvou o City.PAUL ELLIS (AFP)

O Real Madrid ficou no 0 a 0 com o Manchester City na primeira partida da semifinal da Champions League, no Etihad Stadium, na Inglaterra. Sem Cristiano Ronaldo, que foi cortado minutos antes da partida, o Real teve mais um problema no ataque: Benzema, machucado, teve que sair no intervalo. Ainda assim, o time de Zidane melhorou na segunda etapa e só não venceu porque parou no goleiro Joe Hart. O jogo de volta acontece na próxima quarta, em Madri.

Paredão

A partida começou com as duas equipes marcando muito no meio de campo. E esse foi o tom do primeiro tempo, que terminou sem chutes ao gol das duas equipes e nenhum lance de perigo real. Casemiro e Pepe pelo lado do Real e Fernando e Fernandinho no City se encarregaram de parar a maioria das jogadas do rival. O 0 a 0 foi o resultado mais justo para uma primeira etapa difícil tanto para quem estava em campo para quem estava assistindo.

No intervalo para o segundo tempo, Zidane tirou Benzema, que sentiu novamente a lesão na coxa direita, e colocou Jesé para formar o ataque ao lado de Vázquez e Bale. Ainda assim, o time melhorou. O Real passou a mandar na partida e teve três chances claríssimas de marcar. Aos 25 minutos, Carvajal cruzou na área, Jesé ganhou de Kompany pelo alto e desviou a bola, que explodiu no travessão. Aos 33, novamente o Real se aproveitou de jogada aérea. Kroos bateu escanteio, Casemiro se antecipou e cabeceou para defesa milagrosa de Hart com o pé. Quatro minutos mais tarde, o goleiro do City se tornou o grande nome da partida. Bola na área do Manchester, Pepe pegou a sobra na pequena área e chutou para grande defesa do arqueiro inglês.

No fim, o 0 a 0 foi um bom resultado para o Real Madrid, que conseguiu parar o City e teve boas chances de marcar mesmo sem Ronaldo e Benzema. Uma vitória simples classifica o time espanhol. Um empate com gols leva os ingleses para a primeira final de Champions de sua história.

Participe pela nossa fanpage no Facebook e veja abaixo todos os lances de Manchester City 0x0 Real Madrid no minuto a minuto:

Gustavo Moniz
Ficamos por aqui! Muito obrigado pela companhia e até amanhã com Atlético de Madrid x Bayern de Munique.
Gustavo Moniz
Joe Hart, o melhor em campo hoje.
Gustavo Moniz
As melhores imagens da partida (legendas em espanhol).
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Resumo. Jogo muito feio o primeiro tempo. No segundo, porém, o Real cresceu na partida e teve três chances claras para abrir o placar. Jesé cabeceou a bola no travessão e Hart fez dois milagres, primeiro em cabeceio de Casemiro e depois em chute de Pepe na pequena área.
Gustavo Moniz
Fim de jogo no Etihad Stadium!
Gustavo Moniz
47 minutos. NAVAS!!!! De Bruyne cobra direto para o gol, Navas espalma para escanteio. Grande defesa do goleiro do Real!
Gustavo Moniz
46 minutos. De Bruyne dribla Carvajal pela esquerda do ataque do City, é puxado e derrubado pelo jogador do Real, que leva cartão amarelo.
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Teremos dois minutos de acréscimos.
Gustavo Moniz
44 minutos. Sterling é lançado no ataque, Pepe chega e faz o desarme para salvar o Real Madrid.
Gustavo Moniz
43 minutos. Alteração no Real. Sai Kroos, entra Isco. E James Rodríguez continua no banco de reservas.
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Realmente espetacular...
Gustavo Moniz
40 minutos. O Real Madrid teve três chances muito claras de gol no jogo. Uma foi no travessão e duas pararam em Hart. E olha que o time está sem Benzema e Cristiano Ronaldo. O City não produziu quase nada no segundo tempo.
Gustavo Moniz
Depois, essa defesa cara a cara com Pepe.
Gustavo Moniz
Duas defesas milagrosas de Hart. Primeiro, no cabeceio de Casemiro.
Gustavo Moniz
36 minutos. HAAAAART!! Que defesa espetacular do goleiro do City! Escanteio para o Real, Pepe pega a sobra na pequena área, chuta e Hart consegue defender!
Gustavo Moniz
36 minutos. Bale bate a falta na barreira.
Gustavo Moniz
35 minutos. Falta de Fernando em Marcelo na entrada da área do City. Perigo para o time inglês!

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS