Real Madrid

Sergio Ramos a Piqué: “Respeite o Real Madrid e os colegas de profissão”

Capitão da seleção espanhola responde ao zagueiro por brincadeira feita no Twitter

Sergio Ramos disparou contra o colega.
Sergio Ramos disparou contra o colega.H. KALIS (REUTERS)

Sergio Ramos saiu cabisbaixo do vestiário, na noite de domingo, fechando a triste comitiva do Real Madrid que abandonava o estádio El Madrigal. O capitão do Real Madrid e da seleção espanhola falou sobre a derrota de sua equipe (1 a 0) até ser perguntado como deveria responder como capitão a Gerard Piqué, que no sábado zombou de Arbeloa e disse que o jogador do Real Madrid não é seu amigo.

“Não é meu melhor dia para falar sobre isso”, disse Ramos. “A única coisa que posso dizer a Piqué é que tenha um pouco de respeito pelo Real Madrid e pelos colegas de profissão. A falta de respeito é inimiga do bom ambiente e isso não ajuda ninguém. Ao longo desses anos tivemos muitos bons exemplos como Puyol, Xavi e Iker Casillas. Essas bobagens são desnecessárias. Eu admiro Piqué, é um colega de seleção, e tudo o que sair desse ideal será inapropriado”.

MAIS INFORMAÇÕES

Ramos se referiu à polêmica causada por Piqué quando este publicou no Twitter diversos emoticons que choravam de rir após a escalação indevida de Cheryshev pelo Real Madrid contra o Cádiz. “Piqué é muito engraçado, deveria estar no Clube da Comédia”, disse Arbeloa sobre as provocações do azul-grená, e o acusou de estar obcecado pelo Real Madrid.

Piqué não deixou por menos. No sábado, após a partida contra o La Coruña, que empatou com o Barcelona no Camp Nou, disse sobre o jogador do Real Madrid: “Arbeloa se autoproclamou meu amigo e eu não o considero meu amigo. Diria que é um conhecido. Um ‘cono...cido’ (em espanhol, jogo de palavras com as palavras conocido, que significa conhecido, e cono, que significa cone)”, afirmou. Os detratores de Arbeloa nas redes sociais o chamam de Cone, em alusão a sua falta de capacidade técnica.

O treinador Vicente del Bosque, que já pediu que respeitassem Piqué, quando este era vaiado quando jogava com a seleção, se limitou a dizer que “não é saudável que existam problemas entre jogadores” e que “serão tomadas as medidas necessárias” para pacificar a equipe da Espanha. Desde a Eurocopa de 2012 Arbeloa deixou de ser convocado regularmente pelo treinador e está praticamente descartado para a competição que será disputada na França em 2016.