Seleccione Edição
Login

A gata milionária de Karl Lagerfeld

‘Choupette’ ganha 10,2 milhões de reais em um ano por dois trabalhos publicitários

Choupette
'Choupette', em imagem publicada em seu perfil no Instagram. Instagram

As excentricidades de Karl Lagerfeld são amplamente conhecidas, assim como é conhecida sua gata Choupette. A siamesa não é apenas fonte de inspiração para o diretor de criação da Chanel, mas também está encarregada de aumentar as contas bancárias do chamado kaiser da moda. Sim, Choupette ganhou três milhões de euros (10,2 milhões de reais) para fazer dois pequenos trabalhos: colaborar com a marca de cosméticos Shu Uemura e posar para o calendário de carros Vauxhall Corsa.

Talvez por isso Lagerfeld nunca tenha economizado nos gastos com o cuidado de sua mascote. O bichano tem duas cuidadoras, uma conta no Instagram com mais de 52.000 seguidores e no Twitter é acompanhado por mais de 46.000 pessoas, sempre viaja na primeira classe e tem seu próprio livro, Choupette: The Private life of a High-Flying Fashion Cat, de 128 páginas, no qual se detalha o quão é mimado.

I really bring out @giseleofficial's #beauty. Dom't you think, @voguebrasil?

Uma foto publicada por Choupette Lagerfeld (@choupettesdiary) o

Mas o que ainda não se sabia era quanto a gata gerava ao estilista, até que na terça-feira, em uma entrevista à revista The Cut, o kaiser revelou: “No ano passou faturou três milhões de euros apenas com dois trabalhos”. E acrescentou: “Não permito que faça anúncios de comida e coisas do tipo. Ela é sofisticada demais para fazer algo assim”.

The secret to my #beauty is out! Fluff, puff, and plump with my @shuuemura_ww collection! #shuuemura #Choupette

Uma foto publicada por Choupette Lagerfeld (@choupettesdiary) o

A gata, que teve papel de jornalista em The Karl Daily, foi modelo de campanha milionárias, tem uma coleção de bolsas e acessórios e foi fotografada na capa da edição alemã da Vogue ao lado da modelo de sucesso dos anos 1990 Linda Evangelista em 2013, chegou por acaso às mãos do estilista. “Choupette era de um amigo que me pediu que cuidasse dela enquanto estava viajando. Mas quando voltou eu disse que Choupette ia ficar comigo. Agora ele tem outro gato que está muito gordo, e Choupette se transformou na gata mais famosa e rica do mundo”, disse Lagerfeld.

E realmente é rica. Cara Delevingne, a modelo mais cobiçada do momento, ganhou em 2014 quatro milhões de euros, só um milhão a mais que Choupette. E, somente por posar para o calendário de carros e ser a imagem dos cosméticos Chu Uemura, o bichano ganhou quase a metade do dinheiro ganho por Chiara Ferragni, a blogueira mais bem remunerada da indústria da moda. Ferragni, com sua página na Internet The Blonde Salad, emprega 14 pessoas e recebe 6,76 milhões de euros (23,15 milhões de reais) por ano

A gata mais mimada do mundo também tem caráter e personalidade. “Ela é como um ser humano, mas melhor. Sabe ficar em silêncio e não discute. Odeia os outros animais e as crianças”, confessa Lagerfeld na mesma entrevista. “Ela é o centro do meu mundo. Há algo inesquecível nela. Sua forma de se locomover. Se a conhecessem, entenderiam. É, sem dúvida, uma inspiração para a elegância”, acrescentou.

O fenômenos dos it-pets não é novo. Paris Hilton já se encarregou de converter seus chihuahuas em celebrities, e Taylor Swift fez o mesmo com seus gatos. Enquanto Cecil, o coelho de Cara Delevingne, tem 97.000 seguidores no Instagram e Neville, o cachorro do estilista Marc Jacobs, conta com 122.000 seguidores nessa mesma rede social . Todos eles, porém, ainda não geraram receita para seus donos. Choupette talvez tenha apenas um rival: Grumpy Cat. O gato que ficou famoso por seu rosto mal-humorado ganha cerca de 100 milhões de dólares (320 milhões de reais) por acordos comerciais.

MAIS INFORMAÇÕES