Seleccione Edição
Login
TRAGÉDIA

Atacante brasileiro do Shaktar Donetsk morre em um acidente de trânsito

O carioca Maicon Oliveira, de 25 anos, conduzia o carro quando se acidentou na Ucrânia

O atleta tinha passagens pelas categorias de base do Flamengo e do Fluminense

Maicon, durante um treinamento com o Shakthar
Maicon, durante um treinamento com o Shakthar

O atacante brasileiro Maicon Pereira de Oliveira, do Shakhtar Donetsk, morreu na manhã deste sábado em um acidente de trânsito, segundo informou o clube ucraniano através de um comunicado. O atacante brasileiro, de 25 anos, e que chegou ao Shakthar em 2012, conduzia seu carro quando perdeu a vida em um trágico acidente.

Antes de jogar na Ucrânia, o carioca Maicon atuou nas categorias de base do Fluminense e do Flamengo. Ele se profissionalizou em 2009 pelo inexpressivo Clube Atlético Mogi das Cruzes, que joga a quarta divisão do campeonato paulista. No mesmo ano, foi vendido para o Volyn, da Ucrânia, onde fez 28 gols em 57 partidas entre 2009 e 2012.

No ano de 2011, Maicon passou uma temporada no Steaua Bucareste, da Romênia, mas pouco atuou. Seu melhor desempenho mesmo foi em 2012, quando foi o artilheiro do campeonato ucraniano pelo Volyn. Por conta dessa atuação foi vendido para o Shaktar, um dos maiores clubes do país do leste europeu. Jogou poucas partidas por esse time, sendo emprestado duas vezes seguidas, para o Zorya Luhansk e para o Illichivets Mariupol.

No comunicado, o Shaktar afirmou que ele era "um jogador muito talentoso, aberto e amável". "Maicon amava a vida e sabia como a fazer positiva e brilhante. Uma morte trágica, absurda e prematura nos arrebatou a uma pessoa maravilhosa. É uma terrível perda para todos nós. O FC Shakthar quer expressar suas mais profundas condolências à famlia e amigos de Maicon. Descanse em paz", concluiu o texto.