Guatemala decreta o segundo maior nível de alerta devido a uma erupção de vulcão

As autoridades disponibilizam abrigos para a população que mora próxima ao Pacaya

A erupção do Pacaya atrai os turistas.
A erupção do Pacaya atrai os turistas.NUESTRO DIARIO

A Coordenadoria Nacional para a Redução de Desastres (Conred) elevou neste fim de semana de amarelo para laranja - a segunda maior cor na escala de alertas - a condição de segurança pela erupção do vulcão Pacaya e evacuou as primeiras famílias que moram nas proximidades.

O Pacaya, que junto com Santiaguito e Fuego forma o grupo de três vulcões em erupção permanente na Guatemala, incrementou sua atividade na madrugada do último dia 6, quando lançou um mar de lava que se prolongou por oito quilômetros e se aproximou perigosamente de seis povoados.

As imagens espetaculares da erupção converteram a região em um local de aglomeração de turistas, que, desafiando o perigo, chegam o mais perto possível da lava. Em maio de 2010, uma violenta erupção fez com que uma das crateras do Pacaya se partisse em dois, criando novos leitos para a lava. Naquela ocasião, um repórter da televisão morreu enquanto cobria o acontecimento.

Uma fonte da Conred informa que a instituição está preparada para atender às pessoas cuja vida esteja em risco. Foram disponibilizadas escolas, além de espaços paroquiais e autárquicos de povoados próximos ao vulcão, para servir de abrigo caso a erupção levasse à evacuação dos moradores.

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS