BRAD PITT

De pedreiro a ganhar 6.600 reais por foto: o sósia de Brad Pitt que triunfa no OnlyFans

Ele se chama Nathan Meads, é inglês, tem 34 anos e seu sonho é deixar a construção civil para se dedicar em tempo integral a ser como o ator

Nathan Meads em uma das fotos que compartilha no Instagram. A semelhança com Brad Pitt é evidente. / Foto: Instagram
Nathan Meads em uma das fotos que compartilha no Instagram. A semelhança com Brad Pitt é evidente. / Foto: InstagramFoto: Instagram

Uma das coisas boas em parecer ser o irmão gêmeo de Brad Pitt é ganhar o equivalente a 1.000 euros (6.600 reais) para mostrar o corpo na Internet e ser considerado um dos homens mais atraentes do planeta. Entre as más está a situação de sua vida amorosa, que foi a pique porque hordas de fãs o perseguem sempre que sai de casa. É o caso de Nathan Meads, o britânico cuja vida mudou há dez anos quando um estranho o parou em um Starbucks acreditando que ele era o protagonista de filmes como Bastardos Inglórios e Clube da Luta. Na época, tinha 24 anos, trabalhava na construção civil e sua primeira reação foi rir da atitude daquele homem. Até então, não estava ciente de sua semelhança com Pitt e nem mesmo se considerava “um homem excessivamente bonito”, como declarou ao Daily Mail um ano atrás. “Tive muitas namoradas, mas nunca pensei que fosse um desses homens de que todo mundo gosta.”

Quem pior encarou a repentina popularidade de Meads foi a mãe de suas filhas (Laila, 5, e Grace, 10). O fato de muitas garotas pedirem uma foto, um abraço ou uma conversa a seu então namorado só aumentava a tensão em um relacionamento que acabou não sobrevivendo à “fama”. Agora ele está namorando Adiel Mckinven, uma professora de 30 anos que não tem problemas com o interesse que seu namorado desperta. O casal se conheceu pelo Facebook quando ela lhe escreveu em particular para elogiar a semelhança com o ator. Meads aproveitou a oportunidade para convidá-la para jantar e Mckinven achou que era bom demais para ser verdade. Assim que se viram, ambos garantem, foi amor à primeira vista e começaram a brincar com o sósia de Nathan. “A primeira coisa que eu lhe disse é que é uma pena que não me pareça com Angelina Jolie [a ex-mulher do astro de Hollywood]”, lembra ela.

O inglês de 34 anos passou de um rendimento de pouco mais de 30.000 euros (cerca de 200.000 reais) por ano para mais de 1.000 euros (6.600 reais) apenas por uma fotografia. E embora esteja feliz com a reviravolta do roteiro de sua vida, reconhece que nem sempre é fácil. Acima de tudo, recorda, porque isso lhe custou o casamento. "Não posso ir a lugar nenhum. Quando vou a lojas, as pessoas se empurram para se aproximar de mim pensando que sou Brad Pitt ", confessou ao Daily Mail, onde também explicou que sua ex-mulher “odiava que as garotas se aproximassem de mim e pedissem fotos”.

Agora o sonho de Nathan Meads é deixar a construção civil e se dedicar em tempo integral a ser o sósia de Brad Pitt. E não está longe de concretizá-lo. Quase ninguém mais o chama pelo nome, nem mesmo os amigos, que se referem a ele como Brad ou Bradders, e nos últimos três anos foi convidado para eventos e festas onde atua como dublê do ator, posando e dando autógrafos. “Adoro ir a esses eventos, é muito divertido”, disse à Essex Magazine em 2017.

Além de aparecer nessas celebrações, Meads abriu um perfil no site adulto OnlyFans, onde posta fotos e vídeos de “conteúdo explícito”, sempre mediante pagamento. Assinar por um ano custa cem euros (660 reais), por apenas três meses, 35 euros (230 reais), e tentar um mês, 11 (73 reais). Neste momento, trinta e cinco mil pessoas visitaram o seu perfil.

Quando se observam as fotos que Meads compartilha com as 17.000 pessoas que seguem sua conta no Instagram, Brad Pitt look alike, a semelhança com Pitt é evidente. Ele garante que não fez nenhum tipo de intervenção para se assemelhar mais à imagem à do norte-americano. A única coisa, admite, foi deixar crescer alguma barba. A principal diferença? Que o ator é 20 anos mais velho e ganha quase 300 milhões de euros por ano, valor que ofusca os milhares de euros que o inglês arrecada por mostrar seu corpo na Internet.

Mais informações