Cirurgia de Bolsonaro para corrigir hérnia termina após cinco horas

Segundo boletim médico, quadro do presidente, que se recupera no quarto de hospital em São Paulo, é estável

O presidente Jair Bolsonaro na última sexta-feira em Brasília.
O presidente Jair Bolsonaro na última sexta-feira em Brasília. EVARISTO SA (AFP)

MAIS INFORMAÇÕES

O presidente Jair Bolsonaro foi operado neste domingo, no hospital Vila Nova Star, em São Paulo para a correção de uma hérnia incisional, provocada pelas demais operações feitas em consequência da facada sofrida por ele há um ano. A cirurgia durou cerca de cinco horas, tendo início às 7h35 e terminando as 12h40. Segundo boletim médico, o procedimento foi bem-sucedido, e o presidente, que apresenta quadro estável, foi levado para se recuperar no quarto do hospital. As visitas ainda estão restritas.

O procedimento foi realizado pelo cirurgião-chefe Antônio Luiz de Vasconcellos e Macedo e sua equipe. A previsão é que Bolsonaro leve até dez dias para se recuperar. Durante seu tempo afastado de Brasília, o vice-presidente Hamilton Mourão assume o Planalto, ao menos até a próxima quinta-feira 12.

Bolsonaro deu entrada no hospital no sábado a noite, depois de participar do desfile de celebração da independência, em Brasília. Estão com ele os filhos e a mulher, Michelle Bolsonaro.

Arquivado Em: