Real Madrid

Zidane anuncia sua saída como técnico do Real Madrid

Treinador francês surpreende ao anunciar demissão dias após conquistar título na Champions

Zinedine Zidane, junto a Florentino Pérez, no anúncio de sua saída do clube. JUAN MEDINA

Mais informações

Zinédine Zidane anunciou nesta quinta-feira em entrevista coletiva junto ao presidente do Real Madrid, Florentino Perez, que deixa de ser treinador do time. O supreendente anúncio da saída de Zidane ocorre depois de dois anos e meio na posição em que ele conquistou três taças da Champions League consecutivas, algo que nenhum treinador havia alcançado antes.

"Eu tomei a decisão de não continuar como técnico do Real Madrid. É um momento raro, mas esse time precisa de uma mudança para continuar ganhando, precisa de outro discurso, outra metodologia de trabalho", disse Zidane, que se encontrou com o presidente do clube no dia anterior.

Florentino Perez garantiu que é "uma decisão inesperada", e que para ele é "um dia triste", embora tenha enfatizado que quer pensar que é um "até logo", algo que Zidane não descartou.

Zidane estreou no comando do Real Madrid em janeiro  de 2016 sem experiência (salvo a que teve no Castilla), com uma missão impossível: levar os merengues à final da Champions League. A tarefa não era fácil. Primeiro, ele precisava recuperar um grupo de jogadores prisioneiro da inércia, cansados dos métodos de Rafa Benítez e construir um time competitivo. “Não falo muito, mas tenho sonhos”, afirmou Zidane à época.

Fez o que sonhou. O Real Madrid venceu o Liverpool por 3 a 1 sábado passado (26), no Estádio Olímpico de Kiev, e conquistou seu 13º título da Champions League. Foi a terceira taça consecutiva da competição continental erguida pelos comandados de Zinedine Zidane.

Acompanhe ao vivo a repercussão (em espanhol):