NFL

New England Patriots e Philadelphia Eagles disputarão o Super Bowl 2018

Pats vão em busca do sexto troféu Vince Lombardi, enquanto os Eagles querem conquistá-lo pela primeira vez em sua história

Amendola comemora um touchdown para o New England Patriots com Hogan.
Amendola comemora um touchdown para o New England Patriots com Hogan.D.Phillip / AP

Mais informações

O New England Patriots voltou a disputar um Super Bowl da mesma forma como ganhou no ano passado: com uma virada no placar contra os Jacksonville Jaguars (24 a 20). Enfrentarão o Philadelphia Eagles, que atropelou o Minnesota Vikings (38 a 7), em 4 de fevereiro no US Bank Stadium, em Minneapolis.

O time de Bill Belichick venceu os Jacksonville Jaguars por 24 a 20 na final da Conferência Americana, num jogo em que o astro Tom Brady atuou com uma lesão na mão direita. No primeiro quarto, os Pats conseguiram um field goal. Nos 15 minutos seguintes, Marcedes Lewis fez o primeiro touchdown para os Jaguars. Numa jogada terrestre, Leonard Fournette pôs o placar em 14-3. O primeiro tempo terminou em 14 a 10, com um touchdown de White para o time da Nova Inglaterra. A vantagem parcial da equipe da Flórida se assemelhava à da semana passada, quando eliminou os Pittsburgh Steelers. A coisa piorou quando o tight end dos Patriots, Rob Gronkowski, abandonou o gramado por causa de um choque na cabeça.

A vantagem do Jacksonville aumentou. Após nove séries ofensivas, conseguiu um field goal com Josh Lambo, ampliando o placar para 17 a 10 – um chute de 54 jardas, a maior distância para um jogador do Jacksonville em toda a história. Os Jaguars aumentaram a vantagem não com um touchdown, mas com outro chute de Lambo, de 43 jardas.

Brady voltou a comandar o ataque para se recolocar no placar. Encontrou seu melhor parceiro em Danny Amendola. Em dois lances eles conseguiram virar o placar para 24 a 20, a menos de oito minutos do fim do jogo. Assim, Belichick e o quarterback Brady disputarão seu oitavo Super Bowl com cinco anéis de campeão.

Na final da Conferência Nacional, os Minnesota Vikings queriam jogar o Super Bowl em casa. No primeiro quarto, Rudolph capturou um passe de Case Keenum para deixar os Vikings na frente, 7 a 0. Mas a resposta ofensiva do Eagles foi brutal, com uma bola interceptada por Robinson para igualar o marcador em 7 a 7. Blount derrubou a defesa do Minnesota e deixou o placar em 14 a 7. Depois chegou a conexão entre o quarterback Nick Foles e Jeffery para ampliar para 21 a 7. Antes do intervalo, Elliot marcou um field goal para o time de Filadélfia, abrindo uma vantagem de 17 pontos: 24 a 7.

A partir da segunda metade, Smith, com passe de Foles, voltou a mexer no marcador, 31 a 7. Durante o terceiro quarto, os Vikings pouco puderam fazer pelas mãos de Keenum. No início do quarto final, Foles voltou a encontrar Jeffrey e colocaram o placar em 38 a 7. Uma surra total.

Os Eagles chegaram ao primeiro Super Bowl em 1981, mas foram derrotados pelo Oakland Raiders: 27 a 10. Os Patriots e o Philadelphia reviverão a final da NFL de 2005. Nessa ocasião, Brady comandou a equipe que ergueu o troféu Vince Lombardi com um placar de 24 a 21. Os Pats buscam agora prolongar seu legado de sucesso frente aos surpreendentes Eagles.

Mais informações