Seleccione Edição
Login

1,56 milhão de dólares pelo segredo da felicidade de Einstein

O leilão das duas notas manuscritas pelo cientista, de 1922, estava estimado entre 5.000 e 8.000 dólares

Uma das notas escritas por Einstein em 1922.
Uma das notas escritas por Einstein em 1922. AFP

Duas notas escritas à mão pelo cientista Albert Einstein foram leiloadas em Jerusalém por 1,56 milhão de dólares (5 milhões de reais), multiplicando por 200 o preço de venda estimado, que oscilava entre 5.000 e 8.000 dólares, segundo anunciou a casa de leilões Winner. Nos manuscritos, datados de 1922, Einstein explica qual é o segredo de uma vida feliz.

"Uma vida tranquila e modesta contribui mais para a felicidade do que a busca do sucesso vinculada a uma agitação permanente", explica o astrofísico em uma das notas, escrita em 1922 em Tóquio (Japão), momento em que realizava várias conferências no país. "Onde há vontade, há um caminho", diz o segundo escrito. 

Einstein escreveu as notas como gorjeta para um carteiro do Hotel Imperial de Tóquio, onde se hospedava. Não se sabe se o mensageiro recusou a gorjeta de verdade, uma atitude comum nos costumes do Japão, ou se Einstein não tinha dinheiro neste momento, mas o astrofísico decidiu entregar os dois escritos, afirmou o vendedor, um familiar do mensageiro.

O comprador das notas, que mora na cidade alemã de Hamburgo e que preferiu permanecer no anonimato, afirma que quando Einstein (1879, Alemanha - 1955, Estados Unidos) entregou os papéis ao carteiro disse: "Espero que estas notas acabem sendo bem mais valiosas que uma simples gorjeta".

As duas cartas de Einstein leiloadas em Jerusalém. ampliar foto
As duas cartas de Einstein leiloadas em Jerusalém. AFP

Roni Grosz, responsável pelo maior arquivo do mundo sobre Einstein na Universidade Hebraica de Jerusalém, sustenta que, apesar de as notas não terem um valor científico, jogam mais luz em seus pensamentos. "O que estamos fazendo aqui é pintar um retrato de Einstein através de seus escritos", explicou Grosz. 

MAIS INFORMAÇÕES