Seleccione Edição
Login

“Entrei em casa e só peguei a chave da caminhonete. Sabia que era ela que ia salvar nossas vidas”

Um ano após tragédia de Mariana, atingidos relembram momento do desastre e falam do futuro

Um ano após o desastre de Mariana, atingidos pela tragédia relembram o momento do acidente e falam do futuro. Imagens áreas da zona mostram a destruição do rompimento da barragem do Fundão, sob responsabilidade da Samarco, a mineradora controlada pelas multinacionais Vale e pela BHP. O desastre matou 19 pessoas e deixou um rastro de destruição por toda a Bacia do Rio Doce, até o litoral do Espírito Santo. As empresas e seus executivos são acusados pelo Ministério Público Federal pelas mortes e por uma série de crimes ambientais. A Justiça terá de responder se aceita ou não as acusações dos procuradores. 

MAIS INFORMAÇÕES