Morre o dramaturgo norte-americano Edward Albee

Autor de ‘Quem Tem Medo de Virginia Woolf?’ foi premiado três vezes com o Pulitzer

Edward Albee na cerimônia anual dos prêmios Tony.
Edward Albee na cerimônia anual dos prêmios Tony.JEFF CHRISTENSEN / REUTERS

Edward Albee será lembrado sempre pela maestria ao romper as regras dos bons modos, mostrando com seu humor amargo uma visão pungente da vida americana. O dramaturgo estadunidense, autor da célebre Quem Tem Medo de Virginia Woolf?, morreu em sua casa em Long Island depois de sofrer uma breve doença. Três vezes premiado com o Pulitzer, ele tinha 88 anos de idade.

Mais informações

Sua carreira teatral começou com The Zoo-Story (A História do Zoológico) (1958), quando tinha 30 anos. Sua enigmática e mais aclamada obra chegaria quatro anos depois. Foi selecionada para o Pulitzer depois de estrear na Broadway. Mas o sucesso veio por via indireta com os múltiplos prêmios recebidos por Elizabeth Taylor na adaptação da peça para o cinema.

Mike Nichols levou Quem Tem Medo de Virgina Woolf? Ao cinema em 1966, com Richard Burton e Elizabeth Taylor liderando o elenco. A atriz ganhou o Oscar um ano depois. Albee, considerado um dos melhores dramaturgos dos Estados Unidos, recebeu o primeiro Pulitzer por A Delicate Balance (Equilíbrio Delicado), em 1967, que também foi levada ao cinema, com Katharine Hepburn e Paul Scofield como estrelas.

Albee ganhou outros dois Pulitzer com Seascape (Paisagem Marinha) em 1975, e Three Tall Women (Três Mulheres Altas), em 1994. O autor nasceu na Virgínia em 1928. Com duas semanas foi adotado por uma família em Nova York. Abandonou a casa quando ainda era adolescente. Albee integrou a geração de dramaturgos que incluía Tennessee Williams, Arthur Miller e Eugene O´Neill. A morte foi confirmada por seu assistente, Jakob Holder.

Mais informações