Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

Prisioneiro galã estreia como modelo

Jeremy Meeks, cuja foto de registro policial se tornou viral, mostra sua estreia na moda

Ele é agora o rosto dos produtos de uma equipe da NBA

Jeremy Meeks, em sua primeira imagem como modelo.
Jeremy Meeks, em sua primeira imagem como modelo.

#warriors #dubnation #hometeam

Uma foto publicada por JEREMY MEEKS (@jmeeksofficial) o

Para Jeremy Meeks, entrar na prisão foi uma das melhores coisas que lhe aconteceram. A foto de seu registro na polícia lhe abriu as portas para o setor de moda, e agora, depois de encerrada sua pena de dois anos de prisão por assalto a mão armada, pode se vangloriar de ter encontrado trabalho como modelo.

Sua pele morena, traços angulosos no rosto, olhos de um azul profundo e corpo sarado lhe deram acesso direto ao mundo da moda. Desde que saiu da prisão, em março deste ano, ele, que é chamado de réu mais bonito, assinou contrato com a agência White Cross, passou a ter um agente e já fez seu primeiro trabalho oficial. O ex-detento foi escolhido como a face para promover os produtos da equipe da NBA Golden State Warriors. Coube a ele mesmo dar a notícia em seu perfil do Instagram, com mais de 260.000 seguidores, no qual compartilhou uma foto em que usa um dos bonés oficiais do time.

Count down #housearrest #bayarea

Uma foto publicada por JEREMY MEEKS (@jmeeksofficial) o

Treze semanas antes ele tinha escrito na mesma rede uma mensagem de agradecimento pelo apoio recebido durante o tempo em que esteve privado de liberdade. “Quero agradecer a minha família e a todo mundo por todo o amor, apoio e orações. Estou espantado e agradecido por tudo que virá a seguir. Estou pronto”, escreveu Meeks.

Seu salto rumo ao estrelato começou em 2014, e, como é comum nos dias atuais, foi graças às redes sociais e a sua capacidade de converter qualquer imagem em algo viral que as empresas de moda começaram a se interessar por ele. Seu retrato tirado na delegacia realçava seu penetrante olhar azul, lábios carnudos e a tatuagem de uma lágrima sob o olho esquerdo. Logo o instantâneo de sua condenação à prisão começou a dar a volta ao mundo, e junto algo mais importante: sua nova carreira. Casado e pai, Meeks nasceu em Stockton (Califórnia, EUA). Sua prisão ocorreu em junho de 2014, quando a polícia o parou e encontrou uma arma em seu carro. Por mais de uma década o agora modelo foi presença constante nos tribunais e chegou a passar dois anos na prisão, acusado de roubo.

MAIS INFORMAÇÕES