EL PAÍS celebra 40 anos com uma exposição multisensorial

Primeira semana de maio concentra as comemorações dos 40 anos do jornal na Espanha

O aniversário de 40 anos do EL PAÍS chega a seu ponto alto com uma semana repleta de eventos na Espanha. A partir da segunda-feira, dia 2, e até domingo, dia 8, será possível visitar uma grande exposição multisensorial no Palácio de Cibeles em Madri. A mostra, de entrada franca, relembra os principais acontecimentos das últimas quatro décadas e inclui as personalidades mais relevantes desse período. O visitante poderá assistir a primeira reportagem em realidade virtual do EL PAÍS, Fukushima, Vidas Contaminadas, que permite ao espectador ver os efeitos do tsunami como se estivesse no local da catástrofe.

Mais informações

Na terça-feira acontece a inauguração oficial com a presença da prefeita de Madri, Manuela Carmena, de representantes do grupo PRISA, do EL PAÍS e das empresas patrocinadoras da exposição. Todos os eventos desta semana acontecerão no Palácio de Cibeles.

Rádio ao vivo

Na quarta-feira, dia 4, data do aniversário do jornal, será transmitido o programa Hoy por Hoy, da Rede SER, no auditório Caja de Música de CentroCentro, no Palácio de Cibeles. O programa líder de audiência da rádio espanhola terá suas apresentadoras habituais, Pepa Bueno e Gemma Nierga, e representantes da redação do EL PAÍS.

Bate papo com correspondentes

Na mesma tarde, Manuela Carmena e Baltasar Garzón participarão de um dos bate-papos organizados pelo EL PAÍS ao longo de 2016 em que os protagonistas desses 40 anos conversam sobre diferentes temáticas de atualidade. O jornal EL PAÍS, como espaço de reflexão, propõe a seus leitores um diálogo aberto e global, baseado na informação, na análise, na tolerância, na democracia e na dignidade e convida seus leitores a participarem da conversa. Às 20h será realizada a mesa redonda Mulheres correspondentes, com a participação das jornalistas Ángeles Espinosa, Pilar Bonet, Macarena Vidal e Yolanda Monge —correspondentes do EL PAÍS em Dubai, Moscou, Pequim e Washington, respectivamente.

Prêmios Ortega e Gasset

Na quinta-feira será realizado um jantar de gala pelo 40º aniversário do jornal com a presença de Suas Majestades os Reis da Espanha. Durante o evento, serão entregues os Prêmios Ortega y Gasset, concedidos pelo EL PAÍS aos melhores trabalhos jornalísticos em espanhol. Serão premiados nesta 33ª edição: Joseph Zárate na categoria Melhor história ou investigação jornalística, Lilia Saúl e Ginna Morelo por Melhor trabalho multimídia, Samuel Aranda em Melhor fotografia e Adam Michnik, fundador e diretor da Gazeta Wyborcza, em Trajetória profissional.

Foto com a qual Samuel Aranda ganhou na categoria de Melhor Fotografia.
Foto com a qual Samuel Aranda ganhou na categoria de Melhor Fotografia.

Prêmios Quiosco

Na sexta-feira serão entregues os Prêmios Quiosco à inovação nas associações de bancas de jornais. Também haverá um coquetel em homenagem aos jornaleiros.

Escola UAM – EL PAÍS

Na mesma sexta-feira, a partir das 21h, haverá uma reunião de ex-alunos da Escola de Jornalismo UAM – EL PAÍS que comemora seu 30º aniversário. Mais de 1.100 alunos se formaram nesta escola, alguns deles se tornaram grandes correspondentes, repórteres reconhecidos ou diretores de veículos de comunicação.