LIGA EUROPA

Batalha campal de ultras em Bilbao

Sete detidos e oito feridos em um confronto de torcedores do Olympique de Marselha e do Athletic Bilbao

A Polícia basca tenta conter um grupo de 30 e 40 ultras franceses.
A Polícia basca tenta conter um grupo de 30 e 40 ultras franceses.MIGUEL TOÑA (EFE)

Mais informações

Sete torcedores, a maioria franceses, foram detidos, e oito feridos — um deles, espanhol, está internado no hospital de Basurto com cortes no pescoço, segundo dados provisórios oferecidos no início da noite local pela policial basca —, em decorrência da batalha urbana que protagonizaram meia centena de seguidores do Olympique de Marselha e do Athletic Bilbao. As duas equipes jogariam a partido de volta de oitavas de final da Liga Europa em San Mamés três horas depois do contronto.

Um dos feridos, francês, recebeu na cabeça o golpe de uma garrafa que fois lançada por seus colegas e outro, o que tem ferimentos mais graves, está hospitalizado com cortes de vidro no pescoço. A zona próxima ao campo de San Mamés seguia isolada no início da noite e a Polícia Basca tentava conduzir os ultras para o campo.

A Polícia Basca sustenta que por volta das quatro e meia da tarde (12h30 de Brasília), um grupo de torcedores franceses começou a causar estragos e a agredir outras pessoas em bares localizados nas ruas Rodríguez Arias, María de Díaz de Haro e Licenciado Poça, nas proximidades do estádio de San Mamés. Testemunhas descreveram que, pouco depois chegaram os ultras do Athletic e começaram os conflitos.

Os confrontos foram de grande virulência, com chutes, murros e cadeiras, garrafas e copos voando. Um toldo de um estabelecimento comercial foi queimado. Ao que parece os ultras das duas equipes estavam na rua Licenciado Poça. A partida era declarada de alto risco.