Verne

A espetacular ‘bola de fogo’ que cruzou o céu de Portugal

Blogueiro português fotografou o fenômeno no arquipélago da Madeira A imagem se tornou viral nas redes sociais

Uma das fotografias publicadas no blog 'Tempo nas ihlhas'
Uma das fotografias publicadas no blog 'Tempo nas ihlhas'Rogerio Pacheco

MAIS INFORMAÇÕES

O blogueiro português Rogério Pacheco está acostumado a observar a natureza e os fenômenos atmosféricos para atualizar seu portal online de meteorologia, mas no dia 24 de janeiro presenciou um espetáculo assombroso que quis compartilhar com seus seguidores. Uma bola de fogo parecia cruzar o céu da Madeira ao amanhecer, camuflada entre as nuvens. Um fenômeno que Pacheco fotografou e batizou como A Mão de Deus ao publicar em seu site.

O canal de meteorologia da BBC foi um dos numerosos veículos de comunicação internacionais que noticiaram o fenômeno e pediu a um de seus especialistas que o analisasse. Segundo explicações de Aisling Creevey esse tipo de formação é mais habitual do que imaginamos, mas nem sempre temos a sorte de observá-la dessa forma. Neste caso entraram em jogo três capas de nuvens em diferentes altitudes e a luz do sol ficou presa entre elas. “Nuvens como essas — conhecidas como cumulus — nos sobrevoam o tempo todo”, disse, “mas normalmente não podemos distinguir tão claramente os diferentes tons de cinza de cada uma”. O efeito foi reforçado pela luz do sol ao amanhecer e, segundo Creevey, o fotógrafo teve muita sorte porque certamente o fenômeno só durou alguns minutos.

Prova dessa escassez gráfica é o interesse que os usuários das redes sociais demonstraram pelas fotografias, ao compartilhá-las nos últimos dias:

Em declarações à Agência EFE, o blogueiro explicou que precisou reagir imediatamente para fotografar o que estava vendo, mas afirmou que “A imagem das nuvens, mesmo sendo interessante, não chega a mostrar totalmente a beleza da Madeira”.

*Para não perder nada, nós enviaremos o melhor de Verne ao seu celular: entre em nosso Telegram telegram.me/verneelpais!