Sexo

Até o pornô agora é hipster

Os atores mais premiados têm barbas, óculos modernos e cabelos retrô. Coincidência?

Comida, selfies e bichinhos. A conta de Instagram de Chanel Preston poderia ser a de qualquer 'moderno'
Comida, selfies e bichinhos. A conta de Instagram de Chanel Preston poderia ser a de qualquer 'moderno' (Instagram)

Na última edição dos AWN Awards, o Oscar do pornô, o prêmio de melhor atriz em uma cena lésbica foi para Sinn Sage. Essa intérprete norte-americana está se tornando uma imprescindível do gênero não só por fazer chegar ao orgasmo todas as suas companheiras de cama; seu físico joga a seu favor. Tem pouco peito, celulite, posturas de boxeadora e cara de nerd. Sage é uma dos rostos do novo cinema adulto, uma indústria cansada das loiras siliconadas e ansiosa por encontrar garotas que provavelmente no colégio não beijaram ninguém na boca no banheiro. Sem silicone, anabolizantes e depilação completa? Pornô próximo de nós, humildes e imperfeitos mortais? Pornô realista?

MAIS INFORMAÇÕES

Muitos atores se viram forçados a mudar o físico e até o corte de cabelo para continuar trabalhando. Isso aconteceu recentemente com Bobbi Starr, uma das grandes. Essa jovem norte-americana deu um impulso na carreira em 2012, quando decidiu cortar o cabelo no estilo bob e deixar franja, casualidade ou não, no momento em que acontecia um furor midiático em torno do novo corte de cabelo da modelo Karlie Kloss. Talvez penteado e profissão não sejam elementos associados, ou sim, mas o certo é que naquele ano choveram os grandes prêmios de sua carreira, entre eles o XRC (X-Rated Critics Organization) ao melhor orgasmo. Bobbi e sua cabeleira midi subiram ao Olimpo do pornô quando o legendário fotógrafo Richard Avery –que há décadas retrata as atrizes do cinema adulto a partir de uma perspectiva indie e artística–, a incluiu em sua galeria de atrizes-fetiche.

Sinn Sage, a nerd do pornô
Sinn Sage, a nerd do pornô (Instagram)

Em sua lista também está Audrey Bitoni, outra que sofreu uma mudança física recente. Agora é conhecida por fazer felações com o cabelo recolhido num coque, embora seu ponto forte sejam as pesadas maquiagens que conseguem distrair o olhar dos seus 120 centímetros de peito. Avery criou junto a elas e outras atrizes, como Aiden Ashley ou Samantha Betley, uma linha visual artística que vai do pop ao noir, a nova estética para a qual apontam as estrelas do pornô.

Estilos capilares à parte, há um elemento que hoje não lhes pode faltar. De cinco anos para cá, o cachê de cada ator é diretamente proporcional ao número de tatuagens que adornam seu corpo. Chanel Preston é uma das 40 melhores atrizes do momento segundo a AWN, mas seus filmes começaram a ser ainda mais cotados desde que ela tatuou flores em cima dos seios e do púbis. Preston cumpre com todos os requisitos: é uma garota normal, seu perfil no Instagram chega a ser enfadonho e possui desenhos estratégicos que alimentam a excitação.

Quem diria, vendo este look, que Skin Diamond é uma estrela do negócio?
Quem diria, vendo este look, que Skin Diamond é uma estrela do negócio? (Instagram)

Christy Mack e Skin Diamond são, por seu lado, duas atrizes às quais não só a tatuagem abriu portas, como também a cabeleira raspada. Quanto aos rapazes, Logan McCree, um ator completamente tatuado (inclusive o pênis) está revolucionando o cinema gay para adultos. Tommy Pistol, conhecido por suas interpretações cômicas de clássicos atuais do cinema (“Not the Jersey Boys XXX”) teve que deixar barba ao modo hipster para adequar-se ao gosto do público. E Clover, o novo pupilo musculoso do pornô, com 27 anos, tatuagens e 24 centímetros, penteia-se como um marine, com a risca do cabelo marcada com uma navalha seguindo as estranhas modas capilares do momento.

Para sorte de alguns, há uma escapatória nesta gentrificação do pornô. Tatuagens, cabeleiras e barbas à parte, os estilos atemporais como os do mítico Ron Jeremy –semicalvo, obeso e com pelo até nas costas– continuam fazendo sucesso.

Arquivado Em: