Uma garota matou acidentalmente seu instrutor de tiro com uma Uzi no Arizona

O acidente ocorreu no campo de tiro da lanchonete Bullets and Burguers Os pais da menor filmavam com o celular as aulas de sua filha

Uma garota de nove anos matou por acidente seu instrutor de tiro, enquanto ele a ensinava a utilizar uma arma automática, no Arizona (Estados Unidos).

Após o primeiro disparo na zona de tiro e ao mudar o modo de disparo em rajada, a menor perdeu o controle da Uzi, um modelo popular de submetralhadora de fabricação israelense, e uma das balas acertou a cabeça de Charles Vacca, de 39 anos, ferindo-o mortalmente.

Segundo informações do condado de Mojave em um comunicado para a imprensa, os fatos ocorreram pouco antes das 10h de domingo (9h, horário de Brasília), em um campo de tiro ao ar livre situado nos arredores da localidade de White Hills, no Arizona. Após receber o impacto, Vacca foi levado por helicóptero até um hospital em Las Vegas, Nevada, onde os médicos conseguiram mantê-lo com vida até as últimas horas da tarde, quando faleceu. Era pai, veterano de guerra e originário de Lake Havasu City.

Captura de tela do site da hamburgueria Bullets and Burgers.
Captura de tela do site da hamburgueria Bullets and Burgers.bullets and burgers

A garota estava com seus pais no campo de tiro – que também funcionava como lanchonete e é uma atração turística de Las Vegas – no momento em que aconteceu o acidente, em um Estado onde é comum que as crianças aprendam como utilizar armas de fogo em idades tão precoces como nove anos. Os pais gravavam as aulas da filha em vídeo, pelo qual a polícia pôde ver os detalhes da tragédia, que ficou registrada em um dos celulares do casal.

Na gravação é possível ver como Vacca ensina a menor a segurar a arma com as duas mãos e a aponta-la para o alvo, colocado a alguns metros de distância.

Após isso, o instrutor pede para que a garota dispare, que obedece e é cumprimentada por ele. São suas últimas palavras. Algo não sai bem durante o segundo disparo; a menor perde a sustentação que tinha com as duas mãos e a arma gira para a esquerda, acertando a cabeça do instrutor.

O gerente do campo de tiro Bullets and Burguers, Sam Scarmardo, que qualifica Vacca como alguém “consciente e muito profissional”, explicou para a rede de televisão norte-americana NBC que a idade mínima para praticar na maioria dos campos de tiro é de oito anos, sempre que se faça sob a supervisão dos pais.

Arquivado Em: